Header Ads

Manaus Broncos celebra dois anos de fundação com partida neste domingo (16)


 Dois anos de vida e muita história para contar. Um dos caçulas do futebol americano do Amazonas, o Manaus Broncos, completou mais uma primavera no último dia 9 de abril e para celebrar a data, o time Laranja convidou o Amazon Black Hawks para a primeira partida oficial de 2017. As equipes se enfrentam neste domingo (16), às 14h, no campo localizado no complexo de Atletismo da Vila Olímpica de Manaus, no Dom Pedro. O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), apoia o evento.
Batizado de Orange Bowl, o evento anual que marca o aniversário do vice-campeão da temporada 2016 promete ser de muita festa. O convite feito para o Black Hawks é uma forma de prestigiar e agradecer ao ex-coach do time, William Cobra, que hoje veste a camisa do Falcão Negro.
“Foi um cara que acreditou no projeto ano passado e ele trouxe uma modificação muito importante na equipe de defesa do time. Muita coisa que ele implantou nós utilizamos até hoje. Ainda não tivemos a oportunidade de fazer esse agradecimento e esse jogo, além do nosso aniversário, é como se fosse um até logo para ele”, afirmou o presidente Manaus Broncos, Renner Silva, que em 2015 criou o time em homenagem ao Denver Broncos que disputa a NFL (Liga Nacional de Futebol Americano).
Lembrado pelo ex-time, William Cobra fez questão de agradecer o time Laranja com elogios. O treinador acredita que a equipe do bairro Cidade Nova dá total contribuição para o crescimento da modalidade no Amazonas.
“Eu acredito que o Broncos é um time de grande potencial. Fico feliz em ter ajudado e contribuído com o crescimento deles, acompanhei de perto as dificuldades e as lutas. Se eles estão entre os melhores times de Manaus é porque trabalharam para isso. Fico muito contente em ter feito parte disso, noto que a direção é muito comprometida com o bom desempenho, com o esporte. Por mais que eu não esteja mais no Broncos, tenho por eles um grande respeito e o futebol americano vai crescer muito por conta da contribuição do Manaus Broncos”, declarou.
O convite para o Black Hawks também é comemorado pela direção da equipe. Os Falcões são considerados o time mais companheiro do esporte no Estado.
“Nos 11 anos de vida do Black Hawks sempre buscamos ser uma equipe leal. E esse convite também é uma homenagem para o nosso treinador. Ele (William Cobra) já foi jogador nosso, depois foi para o Broncos e agora está de novo com a gente como treinador. E esse jogo serve de preparação para o nosso time”, declarou a presidente do Black, Ana Paula.
Novo campo - Em preparação para a temporada 2017, as equipes celebram a utilização do novo espaço. Pela primeira vez o campo da Vila será utilizado para a disputa do esporte que mais cresce no Amazonas.
“Nossa dificuldade maior sempre foi campo para treinamento ou jogo. Com o apoio da Sejel, que nos apoia desde a temporada passada, e da presidente da Fedaeam (Federação Desportiva de Atletismo do Amazonas), Marleide Borges, estamos tendo essa oportunidade que é muito bom para nós”, agradeceu Renne, que espera um crescimento maior para o esporte neste ano.
“Ano passado, com a final na Arena da Amazônia, as pessoas puderam conhecer o futebol americano. Passamos a ser mais vistos e para este ano teremos ainda mais destaques”, afirmou.
Temporada 2017 - Considerado o maior Campeonato de Futebol Americano do Norte do país, a temporada 2017 da bola oval, antes Manaus Bowl, passar a se chamar Amazonas Bowl. Com sete times, o calendário dos jogos ainda vai ser divulgado pela Federação de Futebol Americano do Amazonas (Fefaam).
Para a temporada, além de North Lions, Manaus Broncos, Manaus Cavaliers, Amazon Black Hawks, Ajuricaba Warriors e Lobos FA que disputaram o título 2016, o Manaus Raptors passou a ser a nova equipe integrante da competição.
Foto: Mauro Neto/Sejel
Tecnologia do Blogger.