PUBLICIDADE

segunda-feira, 12 de junho de 2017

Homem mata casal com tiros de espingarda em sítio de Noro Airão


 Um duplo homicídio, aconteceu por volta das 11h00 do último sábado, 10, em um sítio situado no Ramal do Tumbira, no Km 44 da estrada de acesso ao município de Novo Airão, distante 115 de Manaus, em linha reta.

 “Ulisses” que está foragido, é acusado de disparar tiros de espingarda que mataram a agricultora, Rosana Silva da Fonseca, 39, e um homem que foi encontrado ao lado dela, cujo nome a polícia não conseguiu do identificar.

Os policiais receberam informação que o autor dos tiros tinha uma rixa pessoal com o casal assassinado e teria ido ao local para cometer o crime, depois de fazer uma tocaia ao casal que bebia quando foi atacado e morto.

Um cabo e um soldado do 6º Grupamento da Polícia Militar com sede em Novo Airão, foram os primeiros a chegar ao local do duplo homicídio e encontraram garrafas secas de bebida alcoólica e cartuchos de espingarda deflagrados.

O sítio pertence ao comerciante, Diego Rocha, que foi localizado e compareceu na Delegacia Interativa de Polícia (DIP), onde confirmou que o casal assassinado tomava conta da propriedade para ele há pouco mais de um ano.

A Polícia Militar removeu os corpos que foram levados para o necrotério de Manacapuru, onde Rosana Silva e o homem morto junto com ela teriam familiares residindo naquele município, de acordo com as últimas informações sobre o crime.








Nenhum comentário:

Postar um comentário