Header Ads

Trio é acusado de furtar igreja católica

 Policiais Civis do 13º DIP prenderam por volta das 12h de ontem, quinta-feira, dia 29, Romário Vaz da Silva, vulgo Romário, 23, Antônio Marcos Braga Seabra, vulgo Marquinhos, 33, e Wesley Matos Dourado Gomes, vulgo Bicudinho, 22, acusados de furtarem uma igreja.

Os suspeitos, que foram presos na rua dos Pavões, no bairro Gustavo Nascimento, zona Norte de Manaus, confessaram que furtaram a Igreja Católica do Santo Expedito, localizada na rua Flamingos, nº 57, bairro Gustavo Nascimento, também zona Norte.

A polícia que conseguiu recuperar todos os objetos furtados da Igreja, informou que havia um mandado de prisão preventiva para Romário, por ter ter participado do homicídio do jovem Rilberth Kelvisio da Silva Pena, assassinado no dia 15 de março de 2014, no Beco Francisco Galvão, no Novo Aleixo.

A polícia está a procura de um quarto elemento, identificado como Robson Brás da Moto, vulgo Careca, que também participou da ação criminosa. Os obetos recuperados são: 03 ventiladores, uma butija e gás e uma caixa de som amplificada que era usada nas missas. Todos devolvidos para a Igreja.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.