Header Ads

Seo Services

Rebecca Garcia tem conversa emocionada com jovens estudantes secundaristas

Durante o encontro com estudantes secundaristas, que ocorreu na tarde desta terça-feira, 1º de agosto, a candidata a governo Rebecca Garcia (PP), respondeu às perguntas dos jovens, que almejam a entrada numa faculdade.
 
Cerca de 500 estudantes participaram do bate-papo com Rebecca Garcia, que se emocionou ao abordar a falta de opções aos jovens, que muitas vezes entram no mundo da criminalidade, por falta de perspectivas: "É muito triste nós pensarmos que estamos perdendo nossos jovens para as drogas e para o crime por falta de opções".
 
Um dos projetos de Rebecca para o estudante é o "Escola Viva", que vai recriar um programa de funcionamento das escolas estaduais nos finais de semana, com diversas atividades extracurriculares como: música, dança, teatro, esportes, idiomas e artes plásticas (incluindo o graffite). Outro projeto é a "inclusão digital", que deve ampliar o acesso à rede wi-fi, trabalhando com a meta de garantir 100% de cobertura às escolas da rede estadual -- seja por meio das antenas utilizadas no ensino à distância, seja usando os satélites estacionados sobre o Amazonas. 
 
Rebecca, salientou que: "a escola tem a missão de preparar o jovem para o futuro, porque os jovens de hoje estão altamente ligados à velocidade da internet, precisa ser uma escola prazerosa para o aluno, em que o ensino seja muito mais dinâmico".
 
Outra preocupação é com a segurança dos jovens, que relataram violência frequente dentro das escolas. Rebecca se comprometeu a tomar as medidas necessárias e cabíveis para garantir a segurança das escolas da rede estadual.
 
Rebecca abordou também a qualidade da merenda escolar, ressaltando que vai fortalecer e ampliar o programa de  regionalização da merenda escolar, buscando garantir uma tabela nutricional mais completa para os estudantes da rede estadual. "É fundamental introduzir, por exemplo, o açaí e a castanha do Brasil que são ricos em vitaminas e produzidos em abundância em nosso Estado, e ainda fomentar a produção local. O Estado também tem por dever fiscalizar o fornecimento e distribuição da merenda escolar, para que não falte ou então seja servida fora do prazo de validade", completou.
 
Ao final, Rebecca recebeu todos os pleitos por escrito, e agradeceu a presença e partcipação massiva dos estudantes secundaristas.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.