Header Ads

Seo Services

Arboriza Manaus plantará flores nas áreas públicos pela Semana da Árvore

(Foto: Divulgação Semmas)
Manaus ficará ainda mais bonita e colorida, a partir da ação do programa “Arboriza Manaus”, que vai implantar jardins em áreas públicas, como canteiros centrais de corredores viários, passeios públicos, praças e áreas institucionais. O projeto da Prefeitura de Manaus integra as atividades pelo Dia Nacional da Árvore, 21/9, dando início a uma nova fase de atuação do programa, que já conseguiu plantar, efetivamente, 22 mil árvores na cidade.
 
A inclusão das ações de jardinagem é uma proposta da primeira-dama e presidente do Fundo Manaus Solidária (FMS), Elisabeth Valeiko. A ideia é dar uma nova aparência ao paisagismo dos logradouros públicos. “Vamos embelezar os canteiros centrais, compondo o plantio de espécies ornamentais às ações de arborização”, explica o secretário municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), Antonio Nelson de Oliveira Júnior.
 
Dez locais foram mapeadas para receber as ações de jardinagem. As primeiras serão alvo de intervenções a partir da próxima terça-feira, 19/9, dentro da programação comemorativa à Semana da Árvore. As atividades serão iniciadas pela praça em frente ao Colégio Estadual de Tempo Integral (Ceti) Gilberto Mestrinho, no bairro Educandos, zona Sul.
 
No dia seguinte, 20/9, a praça Viver Melhor, do Conjunto Jardim Oriente, na avenida das Flores, receberá mudas arbóreas e ornamentais ao longo do dia e, às 18h, será entregue, de cara nova, aos moradores daquela área. Já na quinta-feira, 21/9 - Dia Nacional da Árvore - será a vez do canteiro central da rua Diomar Cunha, no conjunto Arthur Reis, no Parque Dez, receber flores e árvores. A programação se encerra na sexta-feira, 22/9, na área verde do conjunto Jardim de Versalles, localizada na rua 23, bairro Planalto. Lá serão plantadas espécies frutíferas.
 
“A população está convidada a estar junto conosco marcando o início dessa nova fase do Arboriza Manaus”, conclama o secretário Antonio Nelson. Ele lembra que o Arboriza conseguiu cobrir a maior parte dos grandes corredores viários da cidade e agora buscará concentrar esforços na manutenção desses locais e no plantio de jardins. “Temos em estoque, aproximadamente, 30 mil mudas de espécies ornamentais que serão empregadas nessas ações de jardinagem, com predominância para floríferas, arbustivas e folhagens, que causarão um belo impacto visual quando forem implementadas”, completa.
 
Canteiros centrais
 
A maioria dos canteiros centrais dos corredores viários da cidade receberá jardins. Na avenida Efigênio Salles, por exemplo, que já recebe melhorias pelo projeto Canteiro Vivo, da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), serão necessários alguns procedimentos para compor o paisagismo.
 
"As mudas que irão para os canteiros devem medir entre 30 e 50 centímetros de altura e, antes do plantio, será realizada a retirada da camada de solo compactado para que seja feita a substituição por terra adubada, favorecendo assim o desenvolvimento das mudas”, explica Deyvson Braga, diretor de Arborização e Paisagismo em exercício da Semmas.
 
Para os canteiros centrais, vão ser utilizadas espécies mais rústicas e melhor adaptadas ao clima de Manaus, exigindo pouca manutenção e contribuindo para uma nova feição ao espaço urbano. Com a combinação de cores e texturas que serão adotadas, em algumas semanas após o plantio já será possível notar a diferença.
 
Mudas
 
No viveiro municipal, a equipe da Semmas trabalha na propagação das espécies com o objetivo de dobrar o estoque de mudas ornamentais para atender a demanda das ações que serão intensificadas a partir de dezembro, com a chegada do período chuvoso. “Estamos usando esses meses que antecedem o início do inverno para produzir as mudas que iremos utilizar”, afirmou Deyvson. Entre as espécies a serem plantadas, estão as ixora, alamanda, vinca, duranta, ruélia, entre outras.
 

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.