Leoas da Serra goleia Iranduba e fica mais perto do título da Copa do Brasil


A promessa era de espetáculo e o show de futsal se confirmou diante de um grande público. O clube Leoas da Serra-SC viveu uma noite inspirada e goleou o Iranduba da Amazônia por 5 a 1 na noite desta sexta-feira, 1 de setembro, na Arena Poliesportiva Amadeu Teixeira, em Manaus, no jogo de ida das finais da Copa do Brasil de Futsal Adulto Feminino de 2017. Com o resultado, a equipe catarinense joga por um empate para levantar a taça inédita na partida da volta, marcada para o dia 9, no ginásio Jones Minosso, em Lages (SC).

Os gols da vitória do esquadrão da aprazível cidade serrana de Santa Catarina por marcados por Greice Behm (2), Diana (2) e Thaís (1), enquanto Mayara fez o único gol do Huk na partida.


Análise dos treinadores
Após o apito final, a técnica Rafaela Nicolete comentou sobre a excelente apresentação de sua equipe, mesmo enfrentando um calor perto dos 30 graus Celsius e a pressão da torcida adversária.

“A gente sabia das dificuldades, mas iniciamos bem o jogo e isso fez a diferença. Tivemos uma boa posse de bola, conseguimos fazer o gol bem no início e isso deu a tranquilidade para tirar a nossa ansiedade e a gente conseguir trabalhar mais e ampliar o placar. Ainda temos muita coisa a melhorar durante a semana, não tem nada definido e vamos trabalhar muito para fazer outro bom jogo em Lages”, disse a comandante.

Do lado amazonense, o técnico José Said atribuiu a derrota para as Leoas da Serra às falhas na marcação e também às oportunidades perdidas ao longo da partida.

“A marcação não encaixou direito, as atacantes também não conseguiram finalizar e agora é levantar a cabeça. Vamos recuperar o astral das meninas e trabalhar para o próximo jogo”, comentou o treinador do representante do Amazonas.


Ficha técnica e arbitragem
O Leoas da Serra jogou com as seguintes atletas: Bia, Greice, Thaís, Amandinha, Diana, Fernanda, Mira, Getúlio, Gy, Jhennif e Juba. O Iranduba atuou com Andrea, Laura, Djeni, Monalisa, Elisa, Giselinha, Mayara, Sol, Geovana, Letícia Karen e Bebê.

A partida teve arbitragem de Andreza Azevedo (1) e Íris Natália (2), Amanda Vieira (anotadora), Genilson Ferreira (cronometrista) e Herivelton Seixas (delegado).
Comprtilhe no Google Plus

da Redação - Manaus/AM

0 comentários:

Postar um comentário