Header Ads

Seleção Brasileira de Futebol realiza treino fechado na Arena e se despede de Manaus

Foto: Mauro Neto/Sejel
 Após reunir 36.125 pessoas na Arena da Amazônia, a Seleção Brasileira de Futebol realizou treino fechado neste domingo, dia 03, durante mais de uma hora. A preparação visa o jogo contra a Colômbia, no dia 5 de setembro, em Barranquilla, pela 16ª rodada das eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo da Rússia, em 2018. O time canarinho embarca para a missão e se despede da Terrinha Baré daqui algumas horas, às 21h. A ação conta com apoio do Governo do Amazonas, via Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel).
 
Em treino aberto somente os primeiros 25 minutos à imprensa, Tite separou o elenco em dois grupos. Os goleiros fizeram um trabalho isolado e Alisson indicou possível titularidade. A grande expectativa ficou por conta das substituições, uma vez que Marcelo está suspenso por conta do terceiro cartão amarelo e Miranda contundido. As novidades da preparação revelaram Thiago Silva, Filipe Luís. A Seleção treinou com Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva e Filipe Luis; Fernandinho; Paulinho, Renato Augusto, Willian e Neymar; Roberto Firmino.
 
Autor do primeiro gol sofrido pela Seleção de Tite, justamente contra a Colômbia, o zagueiro Marquinhos participou da coletiva de imprensa e afirmou que está preparado para enfrentar o adversário na terça-feira. Além disso, ao ser questionado sobre a escalação, afirmou que o ‘professor’ ainda não revelou o elenco completo.
 
“Ele ainda não conversou sobre a escalação. Pode ser uma ideia do que ele quer, mas ainda não há confirmação. Temos que esperar para ver se é teste ou algo que ele está pensando em usar mais para a frente”, disse ele, ao comentar sobre o próximo oponente.
 
“A Colômbia é uma seleção aguerrida, vai ser um jogo difícil”, disse o zagueiro do Paris Saint-Germain.
 
Balanço
 
Para o titular da Sejel, Fabricio Lima, os dois treinos – tanto aberto quanto fechado - foram um sucesso e o foco é continuar trabalhando para fechar ainda mais parcerias com a Confederação Brasileira de Futebol (CBF).
 
“Muito bacana poder finalizar mais uma operação esportiva com alto nível de aceitação de público e registrada como o maior treino aberto da Seleção Brasileira. Nosso objetivo é sempre favorecer a população amazonense e agradeço a CBF por essa parceria, que vai continuar e já vislumbramos outras ações para este ano e 2018, tanto envolvendo as seleções principais, como clubes de fora e locais”, destacou Lima.
 
Através da troca dos ingressos por alimento, o treino aberto no sábado (2), conseguiu reunir mais de 35 toneladas de alimentos e vai beneficiar um total de 11 instituições carentes. 

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.