Header Ads

Abertura do ‘Novembro Azul’ acontece nesta quarta-feira, na Ponta Negra


A Liga Amazonense Contra o Câncer (Lacc), entidade parceira da Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon), realiza, na próxima quarta-feira (1), a abertura oficial da campanha Novembro Azul no Estado. O evento acontece às 17h30, em frente ao anfiteatro do complexo de lazer da Ponta Negra – avenida Coronel Teixeira, zona Oeste. A expectativa é que duas mil pessoas participem. Na capital, a atividade contará com o suporte do Fundo Manaus Solidária.

De acordo com o presidente da Lacc, mastologista Jesus Pinheiro, o movimento surgiu em 2003, na Austrália, no dia 17 de novembro, quando se comemora o Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata. A campanha busca sensibilizar os homens sobre a importância da prevenção às doenças masculinas e, em especial, ao câncer de próstata, o tipo de maior incidência entre a categoria no Amazonas.

“O envolvimento das autoridades e entidades de apoio à causa câncer é essencial para ampliarmos a divulgação acerca da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata, que tem previsão de 520 casos para este ano no Estado, cerca de 28 diagnósticos para cada 100 mil homens", frisou.

"Sendo assim, a participação da Sociedade Brasileira de Urologia, do Governo do Estado - através da Secretaria de Estado da Saúde (Susam) - e da Prefeitura de Manaus – através do Fundo Manaus Solidária e da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) -, ajudam a fortalecer a campanha, facilitando o acesso aos exames preventivos e levando informação à sociedade”, completou Pinheiro.

A diretora-presidente da FCecon, engenheira biomédica Ana Paula Lemes, explica que durante a abertura, a equipe do Departamento de Prevenção e Controle do Câncer (DPCC) da instituição, fará a distribuição de material educativo, elaborado especialmente para o Novembro Azul. “Cinco mil panfletos com as principais informações sobre prevenção, serão entregues aos participantes da atividade”, destacou.

A enfermeira Marília Muniz, coordenadora estadual da Atenção Oncológica no Amazonas, explicou que um cronograma com palestras e divulgação na mídia local, também está sendo criado, de modo a levar à maior quantidade de pessoas, as orientações pertinentes sobre a doença.

“Alertamos a população masculina que está na faixa etária de risco, que não só no mês de novembro, mas durante todo o ano, busque realizar seu exame de PSA (sanguíneo) e o exame do toque retal com um urologista, descartando eventuais alterações ou detectando-as o mais cedo possível, elevando as chances de sucesso no tratamento”, explicou. A Sociedade Brasileira de Urologia preconiza os 45 anos como a idade inicial para o rastreio do câncer de próstata. O Ministério da Saúde, preconiza aos 50 anos.



Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.