Header Ads

Seo Services

Cruzeiro acorda no 2º tempo, vira em dois minutos e deixa Ponte perto do Z4


O fato de Mano Menezes não estar no banco de reservas do Cruzeiro neste sábado poderia indicar uma falta de interesse da Raposa na partida contra a Ponte Preta no Mineirão. Mesmo assim, o clube celeste conquistou uma virada por 2 a 1 contra a Macaca, anotando seus dois tentos em dois minutos do segundo tempo.

A partida com mando cruzeirense foi antecipada da 28ª rodada do Campeonato Brasileiro por conta da montagem do palco para uma apresentação de Paul McCartney no Mineirão. No banco de reservas, Sidnei Lobo comandou a equipe, já que Mano Menezes está em São Paulo para um tratamento de pele.

Com a vaga na Libertadores já assegurada pelo título da Copa do Brasil, o Cruzeiro se mostrou pouco interessado na partida no primeiro tempo. Assim, sofreu um gol da Ponte Preta logo aos 11 minutos de jogo, quando Diogo Barbosa recuou errado para Rafael, Lucca se aproveitou e foi derrubado pelo goleiro. A arbitragem anotou o pênalti e, na cobrança, Danilo Barcelos bateu no ângulo e inaugurou o marcador.

Na marca de 30 minutos da primeira etapa, a Raposa acumulava quase 75% de posse de bola, mas não tinha nenhuma finalização. Os primeiros chutes vieram apenas aos 42 e 45 minutos, com Hudson e Henrique arriscando finalizações de fora da área. A Ponte, por sua vez, se limitou a esperar pelos contra-ataques, mas deu trabalho para Rafael apenas em uma oportunidade.

Se foram apenas duas finalizações dos mandantes na etapa inicial, o time celeste arriscou 15 chutes no segundo tempo. Criando muitas oportunidades pelo lado direito, onde a Ponte Preta tentava impedir os ataques celestes com o zagueiro Yago improvisado na função, o Cruzeiro empilhou oportunidades e foi outra equipe nos 45 minutos finais.

Assim, o inevitável empate veio aos 28 minutos, com Thiago Neves. Judson entrou na área e chutou cruzado, mas a zaga afastou. Alisson pegou a sobra e bateu para defesa de Aranha, mas em novo rebote, Thiago Neves tocou de cabeça para as redes.

Dois minutos depois, a virada fez explodir a torcida no Mineirão. Após cobrança de escanteio de Thiago Neves, Manoel subiu sozinho no meio da área e tocou de cabeça, no canto esquerdo de Aranha.


FICHA TÉCNICA

CRUZEIRO 2 X 1 PONTE PRETA



Local: Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 7 de outubro de 2017, domingo
Hora: 16h00 (de Brasília)
Árbitro: Paulo Roberto Alves Junior (CBF-PR)Assistentes: Victor Hugo Imazo dos Santos CBF-PR) e Rafael Trombeta (CBF-PR)
Cartões amarelos: Rafael, Diogo Barbosa, Hudson, Thiago Neves e Rafinha (CRUZEIRO)
Cartão vermelho: Elton (segundo amarelo)


GOLS

CRUZEIRO: 
Thiago Neves, aos 28, e Manoel, aos 30 minutos da etapa final
PONTE PRETA: Danilo Barcelos, aos 12 minutos do primeiro tempo

Cruzeiro: Rafael; Ezequiel, Digão, Manoel e Diogo Barbosa; Hudson e Henrique; Rafinha (Élber), Thiago Neves, Alisson (Lucas Romero); Rafael Sobis (Rafel Marques) Técnico: Sidnei Lobo

Ponte Preta: Aranha, Nino Paraíba, Marllon, Luan Peres e Artur (Yago); Elton, Jean Patrick (Fernando Bob) e Wendel (Jorge Mendoza); Danilo Barcelos; Emerson Sheik e Lucca Técnico: Eduardo Baptista


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.