Header Ads

Seo Services

Trabalhadores do SUAS em Benjamin Constant fazem manifestação contra o Governo Federal


Na tarde desta terça-feira (03/10), trabalhadores do Sistema Único de Assistência Social e demais profissionais da Secretaria Municipal de Assistência Social (SEMAS), assim como usuários dos programas de atenção básica e a população, protestaram em defesa dos direitos do SUAS, contra os cortes no orçamento previsto pelo Governo Federal a vigorar a partir de 2018. Os manifestantes reunidos percorreram as ruas do município, que está localizado a 1.121 quilômetros de Manaus, gritando palavras de ordem.

Cerca de 300 pessoas estiveram concentradas em frente ao prédio onde funciona a SEMAS e em seguida saíram em caminhada, levando cartazes e gritando palavras de ordem. O grupo após percorrer as principais vias da cidade, parou na esquina das Avenidas 21 de Abril e Castelo Branco, onde cantaram o hino nacional.




De acordo com o assistente social, Marcons Pereira, o corte no orçamento inviabiliza a continuidade dos programas sociais. “Desde 2015 o Governo Federal vem propondo ao congresso nacional, cortes que afetam diretamente orçamentos que subsidiam os programas sociais de nível federal, estadual e municipal. Benjamin Constant como um pedacinho do Brasil não poderia deixar de fazer seu grito de protesto e, que isso ecoe de forma positiva a nível nacional, pois estamos bem atentos quanto aos direitos conquistados”, comentou.

Para a secretária municipal de Assistência Social, Jhonah Melly Chapiama Franco, o movimento é de fundamental importância não apenas para o município, mas para os usuários do SUAS em todo o Brasil. “Hoje a Assistência Social no município parou. O CRAS, CREAS e Centro de Convivência atendem centenas de famílias. São milhares de usuários protegidos pelo Serviço de Convivência, por exemplo, e esse congelamento de recurso pelas próximas duas décadas, ameaça à população pobre de todo o país", enfatizou.

Durante todo o protesto foi possível ouvir “Fora Temer” pelos presentes. Muitas pessoas que passavam pelo local ficavam observando a manifestação que durante todo o percurso esteve de forma ordeira e pacífica.



Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.