Header Ads

Abertura da Semana da Juventude reúne aproximadamente 1 mil pessoas

Foto: Marcio James/Semcom
O Dia da Consciência Negra, comemorado nesta segunda-feira, 20/11, celebrou, durante a abertura da Semana da Juventude Manaus 2017, a cultura afrodescendente com o show “Personalidades Negras”, em um dos principais palcos da história do Estado, o Teatro Amazonas, Centro. O evento marcou, também, os 10 anos do Festival ‘Festival Até o Tucupi’, que este ano integra a programação da primeira Semana Municipal da Juventude.

Aproximadamente 1 mil pessoas acompanharam, ao ritmo do gonguê, dos tambores e dos chocalhos, o grupo de maracatu ‘Baque Mulher’, que fez o primeiro show da noite e levantou o público com o som da percussão. Além de Elisa Maia, Jéssica Stephens, Karen Francis, Luciana Gorgonha, Inah Bastet, Vivian Gramophone, a dupla Lary Go & Strela cantou músicas que visam a ancestralidade e o protagonismo da mulher negra na música.

“Nesse dia que visa celebrar a cultura negra, a Semana da Juventude terá uma programação recheada de atividades desenvolvida para esse público. A abertura não poderia ser em outro lugar, se não aqui no Teatro Amazonas, o maior palco da nossa cultura e onde melhor poderia ser realizado este evento”, ressaltou o subsecretário de Juventude (Semjel), Rodrigo Guedes.

Moradora de Manaus há 15 anos, a baiana Regina Lopes, 57, contou que sempre acompanha eventos que valorizam a cultura negra. “É muito importante essa consciência humana, na verdade não é a consciência negra, mas sim a humana. Contra o racismo, contra a intolerância, contra o preconceito. Vim prestigiar porque são mulheres maravilhosas e empoderadas igual a mim”, enfatizou Regina, que mantém hábitos como a dança do maracatu e a confecção de pratos como caruru e a feijoada.

Contente com a proporção positiva que tomou o evento, a coordenadora do Coletivo Difusão (organização cultural), Michelle Andrews, falou das conquistas alcançadas com a Semana da Juventude.

“Importantíssimo fazer a primeira Semana da Juventude. Agregando várias cabeças, várias pessoas que estão pensando em políticas públicas para a juventude. E a gente realizar um evento dessa proporção, onde o diálogo e o diagnóstico são fundamentais devido ao tema da consciência negra, é um avanço para a cidade de Manaus”, disse.

A Semana da Juventude 2017 é realizada pela Prefeitura de Manaus em parceria com o Coletivo Difusão e pelo Conselho Municipal de Juventude (CMJ), órgão atrelado à Semjel. Além de contar com os apoios da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult) e do Governo do Estado do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura (SEC).


Programação
O segundo dia de programação da Semana da Juventude/Até o Tucupi, 21/11, contará com o Seminário Até o Tucupi de Música, com os painéis ‘Da composição às plataformas digitais’, ‘Preview do projeto de mestrado sobre grupo musical de comunidade Quilombola em Oriximiná/PA’ e a mesa-redonda ‘Até o Tucupi de Música no Amazonas’, que serão realizados, de 14h às 17h, na Escola Superior de Artes e Turismo (UEA), localizada na avenida Leonardo Malcher, Praça 14, zona Sul.



Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.