Header Ads

Gagliasso presta queixa contra racismo: 'É criminosa e precisa pagar'


Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank já provaram que não vão tolerar ofensas contra a filha, Titi, de 2 anos. O casal de atores compareceu à Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), nesta segunda-feira (27), às 11h. Segundo informações do jornalista Leo Dias, eles prestaram uma queixa contra Day McCarthy por ter xingado Titi de "macaca", além de outras ofensas.

O ator disse, segundo informa a Folhapress, que espera justiça. "É por isso que estou aqui, como pai, como cidadão. Isso é crime e ela precisa pagar pelo que fez", comentou.

Em entrevista à imprensa, Bruno comentou o fato de McCarty morar fora: "Eu conversei com a delegada, e a delegada falou que é muito importante a gente estar aqui fazendo isso. É crime em qualquer lugar do mundo e ela vai responder por isso."

O ator também comentou que sentiu triste com o vídeo, "uma sensação de impotência", definiu: "Eu senti o que qualquer ser humano decente se sentiria".

Em dezembro do ano passado, Bruno e Giovanna já haviam ido à Justiça para que pessoas que atacaram a menina nas redes sociais, com perfis anônimos, fossem encontradas.

Por conta do ocorrido, no dia 20 de dezembro de 2016, a Polícia Civil do Rio de Janeiro deflagrou uma operação, em São Paulo, para apurar a origem de comentários racistas. Foram expedidos três mandados de busca e apreensão no Estado, a pedido da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI).



Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.