Header Ads

Simaria avalia saúde após infecção na garganta: 'Não estou 100%, mas sou forte'


Simone e Simaria se reuniram com Carlinhos Brown e Claudia Leitte nos Estúdios Globo para contar as novidades da terceira temporada do "The Voice Kids", nesta sexta-feira (24). Substituta da dupla Victor e Léo, a cantora avaliou sua saúde após sofrer uma infecção na garganta. "Isso foi em decorrência da agente cheia, muita coisa. Eu fiquei um tempinho afastada, mas eu sou forte. Eu nem conseguia falar, ainda não estou 100%, mas estou aqui e bem melhor", garante a morena, que retomou aos trabalhos após ter cancelado seis shows pelo Brasil.

Simone e Simaria criam apelido carinhoso para Roberto Carlos: 'Migo'
Convidada para participar do especial de fim de ano do Roberto Carlos junto da irmã, Simone conta como foi a experiência de ensaiar com o Rei e ainda revela ter criado apelido para ele. "Ele é a melhor pessoa da vida inteira. Nós estamos apaixonadas, encantadas, fascinadas.. é um ser humano de luz, incrível. Assim que eu vi a simpatia e o carinho dele com a gente, foi sensacional. Quando ele foi pegar um café eu desabei, chorando. Não tem como, ele é o Rei. Era sonho meu e da Simaria estar perto dele. Passamos a chamar ele de migo e migles", disse ela, acrescentando com a reação do cantor: "Ele amou!". "Ele olhou para nós, nos abraçou e falou: 'muito obrigada por vocês estarem aqui. Amei conhecer vocês duas'. A gente quase morreu", completou a mulher do espanhol Vicente.

Simaria recorda época antes de estourar a fama: 'Cansaço era violento'
No bate-papo com a imprensa, as duas recordaram o quanto foi difícil emplacar a carreira. "Vocês não fazem ideia de como foi receber a notícia de que fomos escaladas para participar do programa, ficamos sem chão, ficamos tão emocionadas, é puro Deus. As pessoas não sabem o que a gente passa para chegar até aqui. Começamos a cantar com Frank Aguiar e lembro que fazíamos 30 shows com ele. Chegada em casa dos três shows que fazia, em uma noite, e ia direto para a escola, queria terminar meus segundo grau. Eu desmaiei três vezes em um ano. O cansaço era tão violento, que minha estrutura não aguentava, mas tinha que concluir porque se eu não conseguisse cantar, ia ser alguém na vida", relembra Simaria.


(Apuração de Helena Marques e texto de Rahabe Barros)


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.