Header Ads

Usuários de Cozinha Comunitária são formados no programa 'Bombeiros na Comunidade'

Foto: Assessoria de Comunicação/ Semmasdh
Trinta e cinco usuários da Cozinha Comunitária do Bairro Colônia Oliveira Machado, equipamento socioassistencial da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (Semmasdh), participaram, da formatura da primeira turma do programa “Bombeiro na Comunidade”. A idealização do projeto é fruto entre a parceria da Prefeitura de Manaus e Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas- CBMAM.


O evento aconteceu, na noite desta sexta-feira, 24/11, durante a solenidade de 19º aniversário da emancipação do Corpo de Bombeiros, no Quartel do Comando Geral do CBMAM, na av. Codajás, 1565, bairro de Petrópolis.

O programa tem o intuito de formar brigadas de incêndio nos bairros da capital, visando principalmente a prevenção de acidentes e prestação de primeiros socorros a vítimas de acidentes.

“Esse é mais um desdobramento, do trabalho que nós realizamos hoje nas cozinhas comunitária. Isso demonstra que as cozinhas não são apenas equipamentos socioassistenciais que trabalham apenas a política da segurança alimentar e nutricional. Elas também têm a função social de transformação das populações que estão nos entornos desses espaços, assim como determina o prefeito Arthur Virgílio Neto”, destacou o secretário da Semmasdh, Elias Emanuel.

As aulas foram ministradas na própria cozinha comunitária do bairro, espaço público municipal de segurança alimentar e nutricional em que os usuários da comunidade almoçam sem custo.

A capacitação foi dividida em teoria e prática, onde os alunos receberam orientações quanto aos cuidados e prevenções de acidentes, além de orientações sobre primeiros socorros.

“A capacitação teve duração de 12h e essa foi somente a primeira turma. O objetivo é expandir o programa para outras localidades para capacitar as comunidades com o curso brigada de incêndio”, falou o Comandante Geral da CBMAM, Mauro Freire.

As noções de primeiros socorros e brigada de incêndio sempre são úteis nas horas emergenciais, principalmente em casos de acidentes que exijam a locomoção e reanimação de vítima e controle de incêndio.

Para Alciene Morães, 37, bolsista da Cozinha Comunitária, o aprendizado que o programa proporcionou a ela foi essencial para lidar com os imprevistos do dia a dia. “Aprendi coisas que nem imaginava, agora tenho um diferencial no meu trabalho, pois adquiri um certificado de capacitação profissional”, relatou.



Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.