Header Ads

VÍDEO | Prefeito do Careiro 'comeu abiu' e vereador denuncia ao TCE conjunto 'mergulhado' em fezes


O vereador do Careiro Castanho, Linviston Ferreira (PSDC) denunciou a Ouvidoria do Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM), a situação de risco em que vivem centenas de moradores no conjunto Conjunto Sirzinando Luiz de Moura, construído pela Caixa Econômica Federal através do Programa Minha Casa, Minha Vida Careiro.

A obra, que foi licitada na gestão do então prefeito Joel Lobo, iniciada na do ex-prefeito Hamilton Villar e entregue na de Nathan Macena, atual prefeito do município.

Segundo informações do vereador, ele teria solicitado à Prefeitura Municipal do Careiro, toda a documentação referente ao convênio e contratos entre o município e a construtora, para que, de posse dos mesmos, possa tomar as providências cabíveis contra os responsáveis pela obra. Linviston disse que, “no meu entender houve erro de execução da construtora e ela tem que garantir a obra”.

Conjunto Minha Casa, Minhas Fezes

O vereador disse que para morar no Conjunto Sirzinando Luiz de Moura, que foi “rebatizado” pelos moradores como ‘conjunto minha casa, minhas fezes’, foi entregue no final do mês de Junho de 2017, os moradores desembolsam cerca de R$ 80,00 e R$ 300,00, dependendo de seu rendimento.

Segundo moradores ouvidos pelo Chefão da Notícia, até o presente momento a prefeitura não se manifestou acerca da situação. Jorge Bentes de Araújo, 56, disse que vive com a esposa e mais quatro filhos (todos menores), está angustiado, pois teme pela saúde dos filhos.

Segundo ainda Bentes, ele espera que “o prefeito Nathan Macena se sensibilize e os tire do local, alugando outros imóveis até que se possa o problema de esgoto, pois o que não pode é várias famílias viverem em meio as fezes que retornam do esgoto pelos ralos”, concluiu o morador.

Outra moradora que está indignada é a senhora Lucinete Dias, 29, que afirma que o "problema não é de hoje, é antigo, porém até agora, o que se vê é o descaso por parte do prefeito que faz 'vistas grossas' para não resolver nossa situação: parece que o prefeito 'comeu abiu'", concluiu.

Risco de doenças

Nota do Chefão: a prefeitura tem o dever de deslocar os moradores o mais urgente possível para um local seguro, pois o risco de contrair Hepatite A, Giardíase, Amebíase, Febre Tifóide, Cólera, Ascaridíase ou Lombriga e Leptospirose é iminente.

O espaço está aberto para a prefeitura do Careiro se manifestar ou dar uma satisfação não só aos moradores do conjunto, mas a toda população amazonense.


Linviston Ferreira (PSDC), é vereador no Careiro Castanho e denunciou ao TCE a situação de risco em que vivem os moradores do Conjunto Sirzinando Luiz de Moura


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.