Header Ads

Polícia Militar intercepta material arremessado na muralha da UPP


Durante a madrugada desta sexta-feira (09/03), às 2h30, policiais militares que estavam de plantão na guarita da muralha da Unidade Prisional do Puraquequara (UPP) interceptaram objetos que seriam arremessados para dentro da unidade.

Segundo a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), essa é a segunda ocorrência de 2018 em que atuação da Polícia Militar do Amazonas (PMAM) evitou a entrada de materiais ilícitos na UPP.

Um dos soldados que estava entre as guaritas B e C, que dá acesso próximo ao muro da galeria 04, visualizou uma corda improvisada com lençóis (conhecida como "tereza") e, logo em seguida, acionou a guarda local.

A segurança interceptou uma sacola com os materiais antes que os presos tivessem acesso aos objetos que foram apreendidos e apresentados ao 14º Distrito Integrado de Polícia (14º DIP). Na sacola foram encontrados seis celulares, seis porções de entorpecentes, duas facas de mesa e alguns carregadores.

O secretário da Seap, coronel da Polícia Militar, Cleitman Coelho, ressalta que a atuação dos policiais militares do Batalhão de Guardas, que estão presentes nas muralhas de todos os presídios da capital, é fundamental para garantir a segurança e ordem nas unidades prisionais. “Com o trabalho dos PMs nessa segurança externa, nossas ações dentro dos presídios têm mais efeito e êxito, porque a parceria garante que possamos evitar situações que desestabilizem o sistema prisional”.



Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.