Header Ads

Polícia recupera veículos roubados, prende oito pessoas e apreende drogas, armas e munições em Maués

Foto: Lana Honorato/PC-AM
A Polícia Civil do Amazonas deflagrou nesta quinta-feira (08/03) a operação “Jejuardes”, no município de Maués, distante 276 quilômetros em linha reta da capital. Sob a coordenação do delegado-geral ajunto da instituição, Antonio Chicre Neto, a ação resultou nas prisões, em flagrante, de sete pessoas por crimes distintos e de uma pessoa em cumprimento a mandado de prisão preventiva. Durante as diligências foram recuperadas três motocicletas com restrição de roubo e apreendidos entorpecentes, armas, munições, dinheiro, aparelhos celulares, joias e a aparelhos de TV sem notas fiscais, possivelmente oriundos de práticas ilícitas.

De acordo com Antonio Chicre Neto, em Maués a operação teve por objetivo o combate ao tráfico de drogas e associação criminosa naquele município. Ao longo dessa fase da operação “Jejuardes", as equipes cumpriram dez mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão preventiva. As ordens judiciais foram expedidas no último dia 5, pelo juiz Rafael Almeida Cró Brito, titular da Comarca de Maués.

Também foram realizadas blitzes nas principais ruas de Maués. As fiscalizações contaram com o reforço de agentes do Departamento Municipal de Trânsito (Demut). Ao longo da ação foi realizada, ainda, revista às celas da Unidade Prisional de Maués (UPM).

Presos e apreensões - Os policiais civis prenderam, em flagrante, Eurides Gomes da Silva, 43; a companheira dele, Aldenora Maria de Vasconcelos, 44; Jobison Barbosa Paiva, 35; a companheira de Jobison, Thauany dos Santos, 20; Alberto Tadeu Nogueira da Silva, 52; Cirema de Oliveira Matos, 62, e Franciney Oliveira Feitosa, 61. Charles Magalhães dos Reis, 24, foi preso em cumprimento a mandado de prisão preventiva por tráfico de drogas e corrupção de menores.

Durante os trabalhos foram apreendidos com Eurides e Aldenora 11 porções de pedra de oxi, R$ 700 em espécie, e uma motocicleta modelo CG 150, de cor preta, com a placa clonada. Na casa de Cirema os policiais encontraram três sacos contendo cocaína em pedra, duas porções médias de maconha, R$ 1.980 em espécie, uma TV sem nota fiscal, oriunda do tráfico de drogas, além de joias. Com Jobison e Thauny os policiais apreenderam uma porção grande de maconha e uma espingarda de pressão.

As equipes encontraram com Franciney uma espingarda calibre 44 e oito munições intactas do mesmo calibre. Alberto Tadeu foi preso com 300 gramas de maconha. Com Charles os policiais encontraram três TVs e quatro celulares, todos sem notas fiscais e, possivelmente, furtados. Durante as blitzes, 17 motocicletas em situação irregular foram apreendidas e recuperadas duas motos com restrição de roubo.

“O resultado da operação foi bastante satisfatório. Conseguimos cumprir dez mandados de busca e apreensão, que resultaram nas prisões de sete pessoas em flagrante. Também cumprimos mandado de prisão preventiva e apreendemos diversos materiais, o que representa um golpe para a criminalidade. Então, todas as vezes que a população precisar, a polícia estará à disposição do povo mauesense”, declarou o delegado-geral adjunto da Polícia Civil do Amazonas.

Presídio - A polícia realizou, ainda, na tarde desta quinta-feira (08/03), uma revista na Unidade Prisional de Maués. Durante os trabalhos, foram encontradas três porções de entorpecentes, barras de ferro e uma caixa amplificada, que estava em uma das celas, foi apreendida. Todos os 95 detentos que cumprem pena naquele presídio foram retirados das celas durante a vistoria. Já os materiais foram levados para o prédio da delegacia, onde foram realizados os procedimentos cabíveis.

Oito foram presos em flagrante
Aldenora Maria, Alberto Tadeu, Eurides da Silva, Jobison Paiva e esposa dele, Thauany dos Santos, foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. Cirema Matos foi autuada por tráfico de drogas. Franciney Feitosa foi autuado em flagrante por posse ilegal de arma de fogo de uso restrito. Além de ser preso em cumprimento a mandado de prisão, Charles dos Reis também será indiciado por receptação.

Ao término dos trâmites na 48ª DIP, os oito infratores serão levados para a Unidade Prisional de Maués, onde irão ficar à disposição da Justiça.

Efetivo - Participaram dos trabalhos os policiais civis lotados na 48ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), situada em Maués; Departamento de Polícia do Interior (DPI), Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (Derfv), gabinetes do delegado-geral e delegado-geral adjunto, além de servidores que atuam na Secretaria-Executiva-Adjunta de Inteligência (Seai), vinculada à Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM).

Operação “Jejuardes” – De acordo com Antonio Chicre Neto, a operação faz parte do plano operacional da SSP-AM, que consiste em realizar ações policiais tanto na capital como nos municípios do interior e será desencadeada no período da Quaresma, que este ano iniciou no dia 14 de fevereiro e segue até o dia 25 de março. A operação “Jejuardes” já foi deflagrada nos municípios de Coari e de Lábrea.





Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.