Header Ads

Projetos certificam usuários de Cozinhas Comunitárias em bombeiros civis

Fotos: Lucas Silva / Semcom


A parceria entre a Prefeitura de Manaus, a partir das Cozinhas Comunitárias da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (Semmasdh), e o Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM), certificou 60 alunos dos projetos Bombeiro Mirim (Proebom) e Bombeiro na Comunidade (Brigadista). A solenidade de formatura aconteceu neste sábado, 3/3, no Centro Cultural Povos da Amazônia, zona Sul.

As aulas foram ministradas nas próprias Cozinhas Comunitárias, espaço público municipal de segurança alimentar e nutricional onde os usuários da comunidade almoçam gratuitamente.

Os adultos concluintes do Bombeiro na Comunidade são usuários das Cozinhas Comunitárias do bairro Colônia Antônio Aleixo e Vila da Felicidade, no Mauazinho, na zona Leste. Eles foram treinados para a prevenção e combate a princípios de incêndio e primeiros socorros.

Já no Proebom, participaram crianças e adolescentes, de 10 a 14 anos, também da Cozinha Comunitária Vila da Felicidade. Eles tiveram aulas relacionadas à: educação física; noções de salvamento e de primeiros socorros; estudo e prática bombeiro militar; noções de teoria de incêndio; ética e cidadania; higiene pessoal; educação ambiental e de trânsito; prevenção e combate ao uso de drogas e noções de informática.

“Com essas capacitações estamos fazendo com que as cozinhas comunitárias, não sejam apenas espaços de distribuição de alimentos, mas de transformação na vida das pessoas, fazendo aquilo que preconiza à política de assistência social. Estamos mostrando para eles que estão na linha da vulnerabilidade, que há sim possibilidade de ascender na vida profissionalmente e, ser mais útil à sociedade dando a sua parcela de contribuição”, salientou o secretário da Semmasdh, Elias Emanuel.

Os dois projetos de capacitação estão divididos em teoria e prática. Na teoria, os alunos recebem orientações quanto à prevenção e o combate ao incêndio, como manusear extintores e mangueiras. Na prática executam todas as atividades estudadas, participando de um simulado de primeiros socorros e salvamento.

Mudança de Comportamento
A adolescente Bianca do Nascimento, 15 anos, é uma das alunas que receberam o treinamento de Bombeiro Mirim, ela conta que hoje é mais responsável e almeja se tornar um bombeiro militar.

“O curso mudou meu comportamento de como agir em todos os lugares que eu me faça presente, pois eu era rebelde. Após a capacitação eu estou mais disciplinada e consigo tirar boas notas na escola, isso é uma alegria para mim e minha família”, revelou a jovem.





Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.