Header Ads

‘Velho Napa’ celebra mais uma chance para brilhar no Manaus FC

Foto: Emanuel Mendes Siqueira
Um dos destaques na vitória por 2 a 0 sobre o Rio Negro no fim de semana, o atacante Wesley Napão é um dos relacionados para o duelo entre Manaus FC e Fast Clube, nesta quarta-feira, a partir das 20h, no estádio da Colina, valendo pela terceira rodada do segundo turno do Campeonato Amazonense de 2018.

Oriundo da base do Gavião do Norte, Napão é o típico jogador paciente, resiliente. Tem força mental para suportar o banco de reservas e, quando surge a oportunidade, normalmente costuma deixar sua marca de artilheiro ou contribuição na parte coletiva. No primeiro turno, entrou na partida contra o Penarol e deixou seu gol no empate por 1 a 1 no estádio Floro de Mendonça, em Itacoatiara. Diante do Galo da Praça da Saudade, criou a jogada que resultou no pênalti convertido por Negueba no final do primeiro tempo.

“Ser titular ou reserva faz parte do nosso trabalho, a oportunidade uma hora vai aparecer e você tem que estar preparado. Graças a Deus eu trabalhei, esperei minha hora. Fiz um gol no primeiro turno, voltei para o banco, voltei contra o Rio Negro e acredito que fiz um bom jogo. Agora, contra o Fast, espero ter uma nova chance e deixar o meu gol novamente”, disse o camisa 96.

O “Velho Napa”, como é carinhosamente conhecido no mundo boleiro, treinou nos últimos dias como titular. Nena, dono da posição desde o técnico Wladimir Araújo, está em processo de recuperação das dores musculares na coxa direita. O comandante Igor Cearense não adiantou os 11 que entram na Colina, mas Wesley Napão está confiante que sua estrela voltará a brilhar. Desde a época dos juniores, o Tricolor é um adversário que o jovem atacante gosta de enfrentar – e marcar gols.

“Jogar contra o Fast tem um gostinho especial, principalmente porque nessa reta final é como se fosse uma final para o nosso grupo. Estamos numa crescente no campeonato e vamos para cima para buscar o primeiro lugar da chave e aguardar a semifinal”, disse Napão.

Wesley foi fundamental na conquista histórica do Amazonense de 2017 pelo Manaus FC. Foi dele o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Nacional, no primeiro jogo da grande decisão. O título foi confirmado com o empate por 1 a 1, na Arena da Amazônia.

Rossini é desfalque
Para o duelo contra o Fast, o Manaus FC não contará com o meia-atacante Rossini, que pegou o terceiro cartão amarelo contra o Rio Negro. Cleitinho jogará em seu lugar. Nas demais posições, a formação tende a ser a mesma que venceu o Galo no último sábado.



Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.