Header Ads

Exército está 'atento' às vésperas de julgamento de Lula, diz general Villas Boas


O comandante do Exército Brasileiro, general Eduardo Villas Boas, afirmou, na noite desta terça-feira (3), que os militares estão atentos "às suas missões institucionais" e repudiou qualquer sinal de impunidade.

As mensagens foram postadas no mesmo momento em que aconteciam atos em várias cidades do Brasil em favor da prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), cujo pedido de habeas corpus será julgado nesta quarta-feira.

O comandante do Exército também questionou se interesses pessoais não estariam se sobrepondo ao bem de toda a sociedade, tanto no presente quanto para o futuro.

No passado, Villas Boas sempre se colocou contra qualquer pedido de intervenção militar no país, dizendo que isso era um fantasma do passado. Mas, também nesta terça-feira, o general da reserva Luiz Gonzaga Schroeder Lessa defendeu um golpe militar, caso o STF conceda o habeas corpus para Lula.

Outro militar hoje na reserva, o general Antônio Hamilton Mourão também defendeu, em mais de uma ocasião, a necessidade das Forças Armadas intervirem se o país ficar em uma situação de “caos”. Ele se aposentou neste ano e, na saída, foi elogiado por Villas Boas. Com informações do Sputnik Brasil.



Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.