Conectando o Amazonas

Amazonino: Unidade da UEA será voltada para o setor primário

Considerado o maior produtor de cítricos do Amazonas, o município de Rio Preta da Eva (a 78 quilômetros de Manaus) vai ganhar uma unidade da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) com cursos voltados para o setor primário. O anúncio foi feito pelo candidato ao governo pela coligação “Eu voto no Amazonas”, Amazonino Mendes (PDT), durante visita ao município no fim da tarde de quinta-feira (06/09).

De acordo com o governador Amazonino, criador da UEA, em outros mandatos, durante a década de 1990 implantou o programa “Terceiro Ciclo” que impulsionou o município na produção agrícola. Todavia, segundo o candidato, a cidade rio-pretense necessita de uma unidade de ensino com cursos específicos à agroindústria, “mola propulsora” da economia daquela cidade.

“Quero que vocês falem para os jovens que vou fazer a UEA aqui. Vamos criar os cursos específicos importantes para valorizar a juventude e o futuro deste próspero município”, disse Amazonino durante a reunião com milhares de pessoas, na casa de eventos Caboclo Chibata.

Ao lado de Rebecca Garcia (PP), candidata a vice-governadora, Amazonino Mendes destacou os investimentos realizados em onze meses de gestão, na cidade. Rio Preto conta com recursos de mais de R$ 30 milhões direcionados aos setores de infraestrutura, saúde, primário, entre outros. Amazonino está investindo R$ 28,3 milhões em obras, que beneficiarão a economia com o escoamento da produção rural, além de melhorar a infraestrutura da sede do município. Serão R$ 19,4 milhões para a recuperação de ramais, R$ 3,8 milhões para obras do sistema viário, e R$ 4,9 para recapeamento e tapa-buraco.

“Nunca na história deste estado houve tantos investimentos em tão pouco tempo, como ocorre neste momento. E lembro a vocês que peguei o estado num abismo, falido. Hoje, são mais de R$ 1 bilhão de recursos destinados em obras, na saúde, no setor primário, em todo o Amazonas”, destacou Amazonino.

A microempreendedora Fernanda Moura disse que o município de Rio Preto há dez meses estava sem desenvolvimento, sem perspectiva de crescimento. “Hoje, o Rio Preto é outro, com investimentos grandiosos no setor primário, na infraestrutura. As ruas e estradas estão sendo recuperadas, os bairros asfaltados. Isso a gente se deve ao governador Amazonino”, declarou.

No Rio Preto da Eva, um dos municípios polos de produção rural, Amazonino apoiou associações, cooperativas, com fomentos em implementos agrícolas no valor de R$ 193 mil. Além disso, receberá R$ 1,2 milhão em itens do Terra Produtiva no segundo semestre. Já a Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam) investiu aos produtores rurais e empreendedores cerca de R$ 960 mil.

Fotos: Clóvis Miranda



Postar um comentário

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes