Conectando o Amazonas

Outubro Rosa tem exames preventivos nos presídios

No mês dedicado a prevenção do câncer de mama e de colo de útero, a Umanizzare Gestão Prisional Privada, empresa que faz cogestão em seis unidades da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), realizou em torno de 60 exames preventivos entre as internas do Centro de Detenção Provisória Feminino (CDPF) e da Penitenciária Feminina de Manaus (PFM).

Além dos exames preventivos pelo “Outubro Rosa”, as equipes de saúde das unidades também realizaram palestras e distribuição de panfletos explicativos quanto aos cuidados que podem diagnosticar as doenças e como preveni-las.

Segundo o enfermeiro do CDPF, Anderson Pompeu, as atividades propostas foram bem aceitas pelas reeducandas, com a participação da maioria delas.

“Tivemos uma atuação bastante positiva. Durante as palestras recebemos informações importantes, pois, muitas relataram casos de câncer em familiares próximos, outras questionaram sobre as doenças, quem deve fazer os exames periodicamente, e até como funciona a mamografia. Havia muitas dúvidas e agora elas possuem as informações”, ressaltou o enfermeiro.

Visitantes - Nas unidades masculinas as ações da Campanha “Outubro Rosa” foram voltadas para as mulheres visitantes. Durante as atividades do planejamento familiar ou do cadastro elas foram instruídas sobre as doenças e das necessidades de procurarem os postos de saúde ao menos uma vez ao ano, para os exames preventivos como papanicolau e de mama.

INCA - De acordo com dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), o câncer de mama é o tipo mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, depois do câncer de pele não melanoma, e responde por cerca de 25% dos casos novos a cada ano. Para o Brasil, estimam-se 59.700 casos novos de câncer de mama, para cada ano do biênio 2018-2019, com um risco estimado de 56,33 casos a cada 100 mil mulheres.

A estatística para em mulheres para cada ano do biênio 2018-2019 quanto ao Câncer de colo no Brasil 18.980 Esses valores correspondem a um risco estimado de 17,90 para cada 100 mil mulheres. É o terceiro mais frequente em homens e o segundo entre as mulheres.



Postar um comentário

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes