Conectando o Amazonas

Corpo da turista morta em trilha de Arraial do Cabo é levado para SC

O corpo de Fabiane Fernandes, 30 anos, foi liberado pelo Instituto Médico Legal (IML) e encaminhado para Florianópolis (SC) nesse sábado (24). A turista desapareceu em uma trilha de Arraial do Cabo, na Região dos Lagos do Rio, e foi encontrada morta na quarta-feira (21) na Prainha.

Segundo os exames, Fabiane Fernandes teve todos os ossos da face quebrados e morreu por traumatismo cranioencefálico.

A diretora do IML de Araruama, Kesley Couto, afirmou que os exames indicaram que a vítima provavelmente foi atingida por pedrada e morreu no mesmo dia em que entrou na trilha, no domingo (18).

De acordo com o G1, devido ao adiantado estado de decomposição, a diretora do IML informou que não é possível afirmar se houve violência sexual. Um material foi coletado para análise no setor de antropologia forense do IML Afrânio Peixoto, na capital do Rio de Janeiro.

Além disso, as unhas da vítima devem ser analisadas para saber se há algum vestígio do autor do crime.

A Polícia Civil já ouviu seis testemunhas e não descarta a hipótese de latrocínio, roubo seguido de morte.

O corpo de Fabiane será sepultado no Cemitério Municipal do Rio Vermelho, em Florianópolis.

Postar um comentário

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes