Conectando o Amazonas

Polícia Civil prende homem denunciado por perseguir a ex-companheira e causar danos físicos e psicológicos à vítima

A Polícia Civil do Amazonas, por meio da equipe de investigação do 13º Distrito Integrado de Polícia (DIP), sob o comando do delegado Ricardo Cunha, titular da unidade policial, em conjunto com policiais civis lotados na Delegacia Especializada em Crimes contra a Mulher-Anexo (DECCM-Anexo), cumpriu na tarde de segunda-feira (10/12), por volta das 16h, mandado de prisão preventiva em nome de um homem de 42 anos, por lesão corporal, ameaça e injúria no âmbito da violência doméstica.

De acordo com a autoridade policial, o infrator foi denunciado pela ex-companheira, uma mulher de 36 anos, por ter causado a ela graves lesões físicas no período de convivência do casal e por persegui-la após o término do relacionamento de cinco anos. Segundo o delegado, foram instaurados quatro Inquéritos Policiais (IP) para apurar as violências. Também foi representado à Justiça o pedido de medida protetiva em benefício da mulher. O benefício foi concedido de imediato. “O homem novamente voltou a importunar a vítima, descumprindo as medidas judiciais e causando danos físicos e psicológicos à ex-companheira. Então representei à Justiça o pedido de prisão preventiva em nome do agressor. O infrator foi preso na casa da própria mãe, na avenida Lourenço da Silva Braga, bairro Cachoeirinha, zona sul da capital”, explicou Cunha.

O mandado de prisão foi expedido no dia 13 de novembro deste ano, pela juíza Sanã Nogueira Almendros de Oliveira, plantonista da 18ª Vara do Juizado Especial Criminal. Ao término dos procedimentos cabíveis no prédio do 13º DIP, o homem será conduzido ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde irá permanecer à disposição da Justiça.


Foto: Divulgação/ASSIMP PC-AM



Postar um comentário

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes