Conectando o Amazonas

Tribunal Pleno autoriza a remoção de juízes em Comarcas do interior

O Pleno do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) autorizou a remoção de cinco juízes entre Comarcas do interior do Estado. O processo de votação, por critérios de Antiguidade e Merecimento, ocorreu em sessão realizada nesta terça-feira (4), em Manaus.

Pelo critério de Antiguidade e concorrendo com outros cinco magistrados, o juiz Igor de Carvalho Leal Campagnoli teve sua remoção autorizada para a Vara Única da Comarca de Caapiranga (município distante 134 de Manaus).

Concorrendo com outros quatro magistrados, o juiz Rivaldo Matos Norões Filho teve autorizada, pelo critério de Merecimento, a remoção para a Vara Única da Comarca do Careiro (distante 124 quilômetros da capital).

Pelo critério de Merecimento e concorrendo com outro magistrado, o juiz Bruno Rafael Orsi, teve sua remoção autorizada para atuar no Juizado Especial Cível e Criminal da Comarca de Humaitá (distante 696 quilômetros de Manaus).

Pelo critério de Antiguidade e concorrendo com outro magistrado, o juiz Rafael Rodrigo da Silva Raposo teve a remoção autorizada para a Comarca de Parintins (distante 534 quilômetros da capital).

Na mesma sessão, o juiz James Oliveira dos Santos teve a remoção autorizada para a Vara Única da Comarca de Urucará (distante 261 quilômetros de Manaus) em processo sem concorrentes.



Foto: Raphael Alves
Fonte: TJAM




Postar um comentário

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes