Conectando o Amazonas

Polícia Civil prende autor de homicídio do próprio vizinho no bairro Santo Antônio

Delegado Paulo Martins, titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), falou na manhã desta quarta-feira (13/2), durante coletiva de imprensa, sobre o cumprimento de mandado de prisão preventiva por homicídio qualificado em nome de Francisco Tomé de Souza Júnior, 26, autor da morte do próprio vizinho. O crime aconteceu no dia 1° de janeiro deste ano, no bairro Santo Antônio, zona oeste da capital.

De acordo com a autoridade policial, a equipe da DEHS já estava investigando Francisco pela autoria do homicídio de Rômulo Starley Waughan de Souza, de 32 anos. O crime ocorreu por volta das 15h, na rua São Tomé, bairro Santo Antônio. No dia do delito, o infrator golpeou Rômulo no peito, utilizando uma faca. A vítima ainda chegou a ser socorrida, mas morreu horas depois, em uma unidade hospitalar da capital.

“Ao longo dos trabalhos identificamos que horas antes do crime Rômulo estava bebendo com o sogro de Francisco. Na ocasião, eles tiveram uma discussão e travaram luta corporal. O sogro de Francisco chegou a ser levado a um pronto-socorro para receber atendimento médico. Em seguida, Francisco se reuniu com a companheira dele e com a sogra. Eles foram até a casa de Rômulo e quebraram diversos objetos do imóvel”, explicou Martins.

Luta corporal - Conforme o titular da DEHS, Rômulo tomou conhecimento do fato e se dirigiu até a casa de Francisco. Chegando ao lugar eles travaram luta corporal e, em posse da arma branca, o infrator desferiu os golpes que ocasionaram a morte da vítima. Foi solicitado à Justiça o pedido de prisão preventiva por homicídio qualificado em nome de Francisco. A ordem judicial foi expedida no dia 30 de janeiro deste ano, pelo juiz Mauro Moraes Antony, da 3ª Vara do Tribunal do Júri.

“Diante do mandado, iniciamos nossas diligências para localizar o homem e o encontramos na segunda-feira (11/2), enquanto ele estava assinando um documento em um supermercado situado na avenida Autaz Mirim, bairro Jorge Teixeira, zona leste da capital. Em depoimento na delegacia ele confessou a autoria do homicídio, mas argumentou que não tinha a intenção de matar Rômulo”, disse Martins.

Francisco foi indiciado por homicídio qualificado. Ao término dos procedimentos cabíveis na DEHS, ele será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde deverá ficar à disposição da Justiça.

“Gostaria de destacar o apoio que temos recebido da população e do próprio Poder Judiciário, que tem nos auxiliado cada vez mais na elucidação desses casos ocorridos na capital. Ressaltamos que quem puder colaborar com informações sobre os crimes de homicídio que acontecem em Manaus, disponibilizamos o disque-denúncia da DEHS: (92) 99229-6208. Asseguramos o sigilo da identidade dos informantes”, garantiu Paulo Martins.


Foto: Erlon Rodrigues / Assessoria PC-AM


Postar um comentário

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes