Conectando o Amazonas

Grupo Fera presenteia crianças e adolescentes de comunidade no bairro Tarumã com kimonos doados por parceiros de projeto

O Grupo de Força Especial de Resgate e Assalto (Fera) participou, na noite do último domingo (07/04), às 20h30, do projeto "Discípulos Através do Esporte (DAE)", doando cerca de 60 kimonos para os atletas que fazem parte do projeto, idealizado pelo investigador de Polícia Enoque Galvão, que integra o Grupo Fera, a equipe de elite da Polícia Civil do Estado.

De acordo com Galvão, o projeto tem por objetivo resgatar, por meio do esporte, crianças e adolescentes que moram na comunidade Parque Riachuelo, no bairro Tarumã, zona oeste de Manaus. O policial civil, que é formado em Educação Física, conta que, além de tentar conscientizar os jovens atletas sobre as consequências do envolvimento com a criminalidade, por conta da própria experiência profissional, destaca os benefícios de manter uma prática saudável de esportes.

“O projeto DAE iniciou no mês de novembro de 2018, quando o pastor da igreja que frequentamos fez a proposta para a minha esposa, com a intenção de ajudar os jovens da congregação que vivem na comunidade Parque Riachuelo. Tentamos juntar o esporte como forma de evangelização desses meninos por meio do Futsal e lutas como jiu-jitsu e modalidade livre. Tivemos ajuda de várias pessoas, inclusive do lutador do UFC e vencedor do TUF Brasil3 Warlley Alves, que divulgou o projeto nas redes sociais”, explicou Galvão.

Solidariedade - Na noite de domingo (07/04), em uma igreja situada na comunidade Parque Riachuelo, o delegado Juan Valério, coordenador do Grupo Fera, falou da satisfação em poder contribuir com a iniciativa. “O projeto começou com cerca de nove jovens e atualmente atende cerca de 70 pessoas. A arrecadação dos kimonos foi iniciada há três semanas e contamos com a ajuda da sociedade e empresários. Hoje, contamos com o apoio de parceiros para o fornecimento de comida e bebida, respectivamente pelas empresas GH Refeições e Gelocrim. Sem a solidariedade dessas pessoas o evento não teria acontecido”, ressaltou.

Valério destacou que, em março deste ano, no feriado de Carnaval, representantes do Grupo Fera levaram os alunos do projeto DAE para um acampamento, contribuindo para o contato com a natureza, onde foi trabalhado o lado espiritual dos jovens, o lúdico, por meio de brincadeiras, e também o informativo, com orientação e navegação com bússola. Os participantes tiveram, ainda, aulas de procedimentos dentro do ambiente de selva, como obstáculos com cordas e sobrevivência.



Fotos: Divulgação/ Assessoria de Imprensa da PC-AM



Postar um comentário

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes