Conectando o Amazonas

Câmara aprova projeto de lei que cria Semana Municipal de Valorização da Bíblia

Os vereadores da Câmara Municipal de Manaus (CMM) aprovaram o projeto de lei 232/2018, que vai incluir a Semana Municipal de Valorização da Bíblia no calendário oficial de eventos da capital Amazonense. O projeto, de autoria do vereador professor Samuel (PHS), foi encaminhado para sanção do prefeito Arthur Virgílio Neto, na última semana.

De acordo com professor Samuel, o projeto tem como objetivo incentivar o hábito da leitura e fazer com que cada vez mais pessoas tenham acesso à Palavra de Deus. “Será uma semana especial, precisamos valorizar este Livro sagrado”, disse.

O parlamentar também destacou que a Semana Municipal de Valorização da Bíblia será comemorada na segunda semana do mês de abril, por meio de palestras, seminários, exposições, conferências e atividades voltadas à valorização da Bíblia, em escolas e entidades não governamentais.

O teólogo, Darlen Monteiro explica que a Bíblia Sagrada é de extrema importância para os filhos de Deus e a sociedade em geral. Segundo ele, a Bíblia é o livro mais importante das principais religiões mundiais, o cristianismo e judaísmo.

“O livro sagrado é uma fonte de inspiração e fé para milhões de pessoas. E também é fonte de revelação da história de Deus, conta a história de Jesus Cristo, o que ele pregou, ensinou e viveu como ninguém nunca havia feito e morreu pela redenção da humanidade. Ensinando as maiores lições de amor, dedicação, entrega e renúncia pelos outros e tem sido inspiração para todas as pessoas do mundo. É importante o poder publico reconhecer um projeto de grande valor”, explica.

Darlen Monteiro destaca que a Bíblia também é livro de cultura e conhecimento histórico das principais nações, porque trás como regra de conduta os princípios basilares da moral e ética humana. Ele ressaltou, que nenhuma legislação do mundo é superior a palavra de Deus, no que se diz a respeito a ética humana e também da relação do homem com o outro homem.

Sobre a Bíblia

Segundo relato de historiadores a Bíblia foi escrita num período de 1600 anos, por 40 homens escolhidos por Deus, mas com apenas um autor, o próprio Espírito de Deus. A palavra bíblia significa livros e recebeu esse nome por ser composta por 66 livros, sendo 36 no Antigo Testamento e 27 no Novo Testamento.


Foto: Robervaldo Rocha – Dircom/CMM



Postar um comentário

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes