Promessa do jiu-jitsu amazonense busca patrocínio

Layza Rodrigues, 16, vem acumulando títulos na capital amazonense, desde os 08 anos de idade. Moradora do bairro Zumbi dos Palmares 3, zona Leste de Manaus, falou com exclusividade ao Portal Flagrante sobre as dificuldades de conseguir patrocínio.

A jiu-jiteira que começou a treinar aos 8 anos de idade,na academia Equipe SMA, localizada na zona Leste de Manaus, hoje aos 16 anos, disputa na categoria juvenil. Layza relata, que existiu uma certa resistência do irmão mais velho, ao começar a treinar, mas revela que se apaixonou à primeira vista pelo esporte, que já lhe rendeu várias medalhas.

Vinda de família humilde,criada por uma profissional técnica de enfermagem, ela tem sofrido na pele o que é perder oportunidades, por falta de patrocínio, o que melhoraria muito em seu desempenho atual. Mudando a perspectiva de vida e viabilizando os próximos campeonatos.

“Em Manaus é muito difícil sermos notados, tem muita gente talentosa, mas há pouca visibilidade e voz para nós, precisamos de patrocínio, precisamos ser visto para sermos valorizados”, o kimono é caro e muitas das vezes não se tem dinheiro pra isso” explicou a atleta.

Dentre as conquistas, a lutadora já ficou em primeiro lugar no Campeonato Amazonense de Jiu-Jitsu por 4 vezes, e foi três vezes campeã da Copa Osvaldo Alves, disputando a Copa Arthur Neto, subiu ao pódio em primeiro lugar por duas vezes.

O último campeonato que participou foi o Jugle Cup BBJPRO, no último sábado (06/7), no qual também ficou em primeiro lugar na categoria.

Layza conta, que os mestres da academia onde treina, Junilson Aguila e Leonardo Momes, são grandes incentivadores para os alunos que querem trilhar o mesmo caminho que ela.

A academia “Equipe SMA”, filial Nabil, está localizada na rua Roraima, bairro São José,zona Leste de Manaus e recebe alunos a partir dos 6 anos de idade.

A atleta sonha em ser campeã mundial, mas para isso precisa de reconhecimento e patrocínio.

Texto: Natália Garcia
Foto: Lourieni Corrêa



5 comentários :

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes