Sargento da PM, que teve reconstrução maxilar na Fundação Hospital Adriano Jorge, recebe alta

A equipe de cirurgiões da Fundação Hospital Adriano Jorge (FHAJ), unidade de saúde vinculada à Secretaria de Saúde do Governo do Amazonas (Susam), liberou, nesta terça-feira (02/07), em alta cirúrgica, o paciente, A.G., servidor público da área de segurança pública, que foi vítima de ferimento em face por arma de fogo, afetando diretamente a mandíbula direita, no dia 22 de abril. O servidor público foi o primeiro paciente de Reconstrução Mandibular com Retalho Microcirúrgico da Fíbula.

A cirurgia, inédita, nunca havia sido feita antes na região Norte, pois consistiu em transplantar retalho microcirúrgico da fíbula do paciente – osso da perna, antigo perônio, ao lado da tíbia (canela), pela parte externa. Para a realização da cirurgia, duas equipes atuaram no centro cirúrgico ao mesmo tempo: a de especialistas do Serviço de Residência Médica em Cirurgia Bucomaxilofacial da FHAJ, coordenada pelo cirurgião dentista Francisco Amadis, e a equipe de Microcirurgia Reconstrutiva, liderada pelo cirurgião plástico Gustavo Cabrera.

Amadis relatou que em duas semanas o paciente deverá retirar a Gastrostomia (GTT) e iniciar alimentação regular. “Ao mesmo tempo, já está liberado para realizar fisioterapia e fonoterapia”, destacou Amadis. “Em um segundo momento, o paciente deverá ser encaminhado para reabilitação oral, ou seja, implantes dentários”, destacou o especialista.

Para se ter ideia da complexidade cirúrgica, a mandíbula atua em 22 músculos, sendo 12 músculos da mímica facial, 4 músculos da mastigação, 4 músculos da mastigação em dupla, 4 músculos supra hióideo e 4 músculos infra hioideo.

A diretora-presidente da FHAJ, Christianny Sena, destacou que a Fundação tem excelência profissional. “Temos equipes totalmente comprometidas com o hospital. Todos os dias trabalhamos para ofertar saúde de qualidade, visando ampliar a oferta de procedimentos de alta complexidade, na rede pública local”, relatou a diretora. “Da entrada ao hospital à saída, foram envolvidos cerca de 45 profissionais em saúde somente neste paciente, durante o período de internação”.

A Fundação Hospital Adriano Jorge é referência para atendimento de média e alta complexidades a pacientes oriundos dos Prontos-Socorros da capital, interior do Amazonas e demais unidades de saúde da rede estadual. Tem como finalidade a assistência à saúde, ao ensino e à pesquisa.



Postar um comentário

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes