Seinfra retoma obra de anel viário em Humaitá para facilitar escoamento da soja

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura do Amazonas (Seinfra), retomou a obra de construção do Anel Viário do município de Humaitá (a 590 quilômetros de Manaus). A obra tem o objetivo de desviar do perímetro urbano da sede do município o tráfego de veículos pesados, como carretas e caminhões, que transportam soja pela BR-319 (Manaus-Porto Velho) e pela BR-230, a Rodovia Transamazônica.

Essa intervenção é considerada como um dos maiores investimentos na área de infraestrutura, mobilidade urbana e de incentivo à produção agrícola no município de Humaitá. A obra terá 11,58 quilômetros e interligará a BR-319 ao porto graneleiro da cidade. O projeto contempla a realização de serviços de terraplanagem, meio-fio, sarjeta, galerias, bueiros, dissipadores de energia, acostamento, compactação e pavimentação, bem como sinalização vertical e horizontal.

O Anel Viário dará mais rapidez ao escoamento da soja que, atualmente, vem de Porto Velho, passando por dentro do município de Humaitá, até chegar ao a Itacoatiara. Depois de concluído o Anel Viário, esse trajeto será encurtado. O percurso de Porto Velho pela BR-319 seguirá pelo Anel Viário da Soja, passando por fora do perímetro urbano de Humaitá.

“A retomada desta obra representa um novo marco em termos de logística para o transporte da soja que passa por Humaitá. É uma obra que vai garantir um futuro promissor para o estado e para as famílias que vivem na região”, destacou o titular da Seinfra, Carlos Henrique Lima.


Foto: Divulgação/Seinfra


Postar um comentário

Postagem em destaque

Crianças e adolescentes que vivem em unidades de acolhimento recebem presentes de Natal arrecadados pelo projeto Árvore Encantada

Cerca de 230 crianças e adolescentes, que estão hoje em oito unidades acolhedoras de Manaus, receberam na tarde da quarta-feira (04) os pr...

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes