A parada é estilo Dubai e os ônibus estilo Índia, critica Chico Preto

O vereador Chico Preto criticou, da tribuna da Câmara Municipal de Manaus (CMM) nesta segunda-feira (19), a decisão da Prefeitura de gastar R$ 207 mil na construção de uma parada de ônibus na Ponta Negra. Na avaliação do parlamentar, o prefeito Arthur Neto (PSDB) erra na escolha das prioridades.

Chico Preto diz que de acordo com a tabela de preços da Prefeitura, com R$ 207 mil seria possível construir 20 abrigos de ônibus ou reformar 70 paradas de ônibus.

“Muitos ficaram constrangidos com a construção de uma parada estilo Dubai na Ponta Negra em detrimento de bairros e comunidades em Manaus que sequer têm abrigo. Aí você tem uma parada estilo Dubai e ônibus estilo Índia que prega 15 quilômetros na frente. Você sairá de uma parada top das galáxias num ônibus que paga fogo e quebra lá na frente. Há um grave equívoco de prioridade do senhor prefeito”, afirmou.

Chico Preto lembrou que as linhas que circulam na Ponta Negra são utilizadas com mais frequência nos finais de semana. Ele destacou ainda que a obra poderia ter sido realizada por meio de uma parceria público-privada.

“Pegar R$ 207 mil para investir na Ponta Negra, onde as pessoas usam quase somente nos finais de semana é a mesma linha de raciocínio de uma Prefeitura que gasta R$ 100 milhões com propaganda tendo postos de saúde sem remédio e ruas com buracos. Estou falando de prioridades. Teriam outros caminhos, como parceria público-privada”, avaliou.


Foto: Alcides Netto



Postar um comentário

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes