Joana Darc (PL) acompanha sobrevoo em municípios do Amazonas com focos de queimadas

A presidente da Comissão de Meio Ambiente, Proteção aos Animais e Desenvolvimento Sustentável (Caama), deputada estadual Joana Darc (PL), participou neste sábado (24) de um sobrevôo sobre os municípios de Boca do Acre, HUmaitá, Lábrea, e Apuí, onde estão concentrados os maiores índices dos focos de queimadas do Amazonas.

A ação faz parte de uma força-tarefa em parceria entre Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (SEMA), Comissão de Meio Ambiente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) e Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), além das prefeituras dos municípios com focos de queimadas.

Integrante do Comitê Estadual de Combate às Queimadas e Desmatamento, Joana Darc, está acompanhando de perto as diversas ações que o Governo do Estado já está desenvolvendo para combater as queimadas e desmatamentos ilegais no Amazonas. “ Uma série de medidas estão sendo desenvolvidas pelo Governo e nós da Comissão de meio Ambiente da Assembleia, vamos estar acompanhando e contribuindo para que crimes ambientais como queimadas e desmatamentos ilegais no Amazonas sejam combatidos de maneira regular e permanente, por isso passamos a integrar o Comitê de combate às queimadas e desmatamento ”, informou a deputada.

A parlamentar participou também da inauguração do Centro Multifuncional de Boca do Acre, onde atualmente está concentrado a maior incidência de queimadas do estado. “Metade dos focos de alerta de áreas não destinadas e não regulamentadas para desmatamento estão localizados em Boca do Acre. Através do Centro Multiprofissional , será possível reforçar o trabalho de fiscalização à desmatamento e queimadas ilegais que acontecem na região”, ressaltou a parlamentar.

Joana Darc informou ainda que hoje foi enviada uma carta ao Presidente Jair Bolsonaro solicitando uma reunião em caráter de urgência, para solicitar apoio ao Governo Federal para medidas de enfrentamento às queimadas. “Vamos dar todo suporte e apoio necessário à SEMA e ao Ipaam para diminuir os focos de queimadas na região e já estamos trabalhando para coibir os crimes ambientais no estado. Não vamos tolerar esse tipo de crime e vamos punir todos os que praticam desmatamento irregular”, reforçou a presidente da Caama.


Fotos: Diego Peres - SECOM



Postar um comentário

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes