Conectando o Amazonas

Professor diz que Zuckerberg é a ‘pessoa mais perigosa do mundo’

Scott Galloway, professor da Escola de Negócios da Universidade de Nova York, disse que o dono do Facebook, WhatsApp e Instagram, Mark Zuckerberg, é “a pessoa mais perigosa do mundo”.

Durante participação no programa “Bloomberg Markets: The Close”, Galloway falou sobre a iniciativa do Facebook de integrar os serviços de mensagens das três plataformas: “Mark Zuckerberg está tentando criptografar o backbone [rede principal pela qual os dados de todos os clientes passam] entre o WhatsApp, o Instagram e a plataforma principal, o Facebook, de tal forma que ele tem uma rede de comunicação de 2.7 bilhões de pessoas. O que poderia dar errado?”

O professor acrescentou: “A noção de que vamos ter um indivíduo decidindo os algoritmos para um backbone criptografado de 2.7 bilhões de pessoas é assustador – independentemente das intenções da pessoa.”


Segundo o site Olhar Digital, o professor também expressou preocupação em relação às práticas democráticas: “Uma salvaguarda fundamental para a sociedade é a diversidade de meios de comunicação/pontos de vista, verificações e equilíbrio.”


Fonte: Renova Mídia



Postar um comentário

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes