SOS Amazônia: Artistas Cantam em defesa da Floresta na próxima quarta-feira (28/09)

Com o intuito de sensibilizar a esfera pública e privada para que as políticas em defesa da Floresta Amazônica sejam cumpridas e também impactar os cidadãos que podem através de simples ações melhorar a relação com o Meio Ambiente, um grupo de artistas do Amazonas se mobilizaram para realizar um ato público em defesa da vida e da floresta, onde a música, poesia, dança e artes visuais serão o principal instrumento de sensibilização. O SOS Amazônia: Artistas Cantam em Defesa da Floresta, acontecerá no dia 28 de agosto, próxima quarta-feira, dividido em dois momentos, o primeiro será um abraço simbólico no Monumento à Abertura dos Portos às Nações Amigas, no Largo de São Sebastião, diante do Teatro Amazonas, a partir das 17h e um show musical com mais de 40 artistas, no Espaço Cultural Curupira Mãe do Mato, localizado na avenida 07 de Setembro, a partir das 22h.

As notícias nas mídias nacionais e internacionais sobre a degradação da floresta amazônica através das queimadas, revelam o rastro de destruição na fauna e flora regional, mas seus efeitos ultrapassam os limites geográficos, transformando a vida dos Povos da Floresta e de grandes metrópoles, como por exemplo, a recente situação da escuridão do céu de São Paulo, ocorrida na tarde de segunda-feira (19), próximo das 15h, que assustou todo o mundo. A explicação dos meteorologistas do Climatempo para este acontecimento, entre outros fatores, foi o encontro de uma frente fria com a fumaça de queimadas, ocasionando uma maior densidade nas nuvens, impedindo que os raios solares iluminassem a cidade. Outros fatos chocaram e sensibilizaram o mundo, como as imagens via satélite dos focos de incêndio e as fotografias de animais mortos pelo fogo ou tentando fugir das queimadas.

Dados do Programa Queimadas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), gerados com base em imagens de satélite, apontam que as queimadas no Brasil aumentaram 82% em relação ao ano de 2018, se comparados o mesmo período de janeiro a agosto, sendo que o número de focos passaram de 39.194 para 71.497 neste ano.

Segundo o diretor do Cultura Amazônica e biólogo Wagner Alan Moreira, o evento SOS Amazônia: Artistas Cantam em Defesa da Floresta, acontece em um momento em que a união e a movimentação em torno da temática ambiental, pode ser um fator fundamental para que haja uma mobilização para a proteção e resguardo da Floresta Amazônica. “As últimas notícias e os recentes dados publicados pelos órgãos de controle e monitoramento da Amazônia são alarmantes. 

O SOS Amazônia: Artistas Cantam em Defesa da Floresta tem como principal intuito, chamar atenção para a conservação da floresta, proteção de sua biodiversidade e clamar pela responsabilidade coletiva e sustentabilidade da maior floresta tropical do mundo, que vive um processo crescente de queimadas. O Monumento à Abertura dos Portos, local que receberá o abraço simbólico, foi escolhido por representar os quatro cantos do mundo, a Ásia, América, África e Europa. Já o Espaço Cultural Curupira Mãe do Mato, onde serão realizados os shows musicais, foi definido pela organização do evento, por ter o nome do lendário protetor da floresta”, explica Wagner Moreira. 

Se engajaram na nobre causa mais de 40 artistas regionais, dos mais variados estilos musicais, como a toada, MPA, MPB, samba, pagode, reggae, hip-hop, forró, sertanejo e outros que estarão presentes tanto no Largo de São Sebastião, como no Curupira Mãe do Mato.

“Toda a sociedade está convidada a participar deste momento histórico. Somos um movimento artístico independente e totalmente apartidário. A realização do SOS Amazônia: Artistas Cantam em Defesa da Floresta é um ato pacífico pela sustentabilidade. Pedimos para que todos compareçam com camisas verdes ou brancas, simbolizando luta em defesa e proteção do meio-ambiente”, comenta o cantor e compositor Antônio Bahia, um dos idealizadores do evento.

Grandes nomes estão confirmados para o evento entre eles Marcia Siqueira, Arlley Souza, Kadu Almeida, Jander Manauara, Mailzon Mendes, Márcia Novo, Nelly Miranda, Rosa Malagueta, Rui Machado, Milton Cabocrioulo, P.A. Chaves, Sisi Rolim, Guilherme Cordel, Cileno, Cláudia Trindade, Wilsinho de Cima, Klinger Araújo e Carol Pedrosa, entre outras dezenas de artistas.

Fotos: Selma Maia 


Postar um comentário

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes