Com reeleição em xeque, vereadores recuam e decidem 'cobrar' explicações da Prefeitura através de CONVITE

Após uma grande repercussão negativa perante a população de manauara, quando arquivaram um requerimento do vereador Chico Preto (sem partido), os vereadores da Câmara Municipal de Manaus mudaram de ideia e resolveram protocolar nesta terça-feira (08) um novo ofício à Prefeitura de Manaus, desta vez um convite, muito diferente do requerimento, que força o prefeito a dar todas as explicações necessárias.

O requerimento em questão, pedia esclarecimentos sobre o uso da estrutura da Prefeitura de Manaus (carro e servidor público), no condomínio Passaredo, local onde o engenheiro Flávio dos Santos teria sido assassinado, já o convite não tem a mesma força.

Com o argumento de que não queriam transformar o assassinato em uma questão política e que Justiça deveria continuar investigando para solucionar o caso, o presidente da CMM, Joelson Silva disse que, seus pares só tomaram a decisão de convidar a Prefeitura que esta preste informações a Casa, após uma reunião com a Mesa Diretora e o Conselho de Líderes da Câmara.

Ao barrar o requerimento, os vereadores contraíram para si a revolta popular e, isso pode refletir nas próximas eleições. Ao substituir por um convite, os vereadores ofendem a inteligência do povo manauara. É bom lembrar que ninguém é besta e o amazonense agora, possui ao seu lado uma grande arma: a internet. É sabido que tanto o povo quanto a oposição, usarão esta situação para lembrar em quem não se deve votar.




Postar um comentário

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes