Dep. João Luiz vai expor apagões de energia no AM ao ministro de Minas e Energia

Ao parabenizar a Manaus Energia por solucionar de vez a falta de energia em Iranduba e Manacapuru, por meio da instalação do cabeamento aéreo, o deputado estadual João Luiz (Republicanos) afirmou, na manhã desta terça-feira (15), que irá expor ao ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, os sucessivos apagões de energia elétrica ocorridos, diariamente, na capital e no interior do Amazonas.

O ministro estará em Manaus, na manhã desta quarta-feira (16), para participar da inauguração do cabeamento aéreo da empresa.

Segundo o parlamentar, a Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (CDC/Aleam), da qual é presidente, tem registrado e documentado uma série de falhas no fornecimento de energia em Manaus e em cidades como Lábrea, Humaitá, Itacoatiara, Codajás, Maués e demais municípios do interior do Estado, que constará em requerimento a ser entregue ao ministro.

“Sem dúvida alguma, a Manaus Energia está de parabéns por ter solucionado, de forma definitiva, a falta de energia em Iranduba e Manacapuru, fato que será marcado com a inauguração do cabeamento aéreo, que contará com a presença do ministro Bento Albuquerque. Mas o ministro também tomará ciência de que os demais municípios do Estado, incluindo a capital, ainda padecem com sucessivos apagões de energia. E isso requer uma solução imediata”, ressaltou João Luiz.

Atuação

Em julho deste ano, mais de 200 mil pessoas ficaram sem energia elétrica nos municípios de Iranduba e Manacapuru por conta do rompimento do cabo subaquático, responsável pelo abastecimento das cidades. Por meio da Força-tarefa do Consumidor, formada pela CDC/Aleam, o Ministério Público do Estado (MP-AM), Defensoria Pública do Estado (DPE-AM) e Procon-AM, foram realizadas audiências públicas e ações judiciais para cobrar da Manaus Energia uma solução definitiva para o apagão. Como resposta aos órgãos de defesa do consumidor, a concessionária investiu na instalação do cabeamento aéreo, ao longo da ponte Jornalista Phellipe Daou (ponte Rio Negro).


Foto: Mauro Smith




Postar um comentário

Postagem em destaque

TSUNAMI NA AMAZÔNIA – Se orla de Parintins desabar pode causar destruição no Rio Amazonas

Por Nilson Belém - Cidades e localidades da Amazônia podem ser atingidas por Tsunami. Não é loucura não. É pura verdade. Isso já ocorreu a...

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes