Justiça da Argentina aceita nova denúncia contra Kirchner

Apenas dois dias após as eleições gerais na Argentina, que consagraram Cristina Kirchner como vice-presidente eleita na chapa de Alberto Fernández, outra acusação contra a política foi confirmada.

No seu cargo de senadora, a ex-presidente mantém o foro privilegiado que a vem protegendo dos processos que responde na Justiça. Dentre eles, seis com pedido de prisão preventiva.

No último capítulo das novelas judiciárias de Kirchner, em setembro, o principal processo do escândalo dos Cadernos da Corrupção foi enviado a um tribunal de segunda instância de Buenos Aires para julgamento.

Presidente da Argentina entre 2007 e 2015, Cristina Kirchner foi acusada de liderar essa “associação ilícita”, informa a revista Veja.


Fonte: Renova Mídia



Postar um comentário

Postagem em destaque

TSUNAMI NA AMAZÔNIA – Se orla de Parintins desabar pode causar destruição no Rio Amazonas

Por Nilson Belém - Cidades e localidades da Amazônia podem ser atingidas por Tsunami. Não é loucura não. É pura verdade. Isso já ocorreu a...

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes