Orquestra de Câmara do Amazonas e Grupo Gaponga se reúnem na Série Guaraná

O erudito e a música popular amazônica se unem no concerto “Claudio Santoro e Gaponga”, pela 16ª edição da Série Guaraná, no próximo domingo (06/10), às 19h, no Teatro Amazonas. A Orquestra de Câmara do Amazonas (OCA) se junta ao Grupo Gaponga em um repertório com músicas do maestro e compositor amazonense, além da estreia de um novo ritmo amazônico. O evento, promovido pela Secretaria de Estado de Cultura (SEC), com patrocínio do Guaraná Antarctica, tem entrada gratuita.

O maestro Marcelo de Jesus, que regerá o concerto, explica que as canções de Santoro ganharão uma nova identidade com a percussão amazônica do grupo Gaponga, do poeta e compositor Celdo Braga. “Não é a primeira vez que a orquestra tem esse encontro com a música amazônica, já tivemos uma apresentação também com o ‘Raízes Caboclas’”, lembra o maestro.

“Essa parceria com o Celdo já vem de anos e agora viemos com uma proposta de apresentar as obras do Claudio Santoro com eles. Teremos músicas de Santoro com uma identidade completamente diferente, com novos sons, assim como as músicas do Gaponga ganharão uma abordagem diferente da OCA. Será uma troca muito rica no palco do Teatro”, afirma.

O Grupo Gaponga é formado por Celdo Braga, Sofia Amoedo, João Paulo e Neil Armstrong Jr.. Para o concerto de domingo, Celdo revela que será lançado um novo ritmo amazônico criado pelo Gaponga, o "kambô".

“Demos o nome de ‘kambô’ em referência à secreção de um sapo encontrado na floresta e que é aplicado nas pessoas, com benefícios de melhorar imunidade, mas que também estimula um certo transe em quem usa", explica. "Estudamos os sons e a rítmica dos animais da floresta amazônica e, dentro desses sons, encontramos um compasso e criamos uma composição, ‘Sapopema’. O concerto de domingo será a estreia deste novo som amazônico. Também estamos muito felizes de nos reunir com a OCA e interpretar a obra do grande Santoro”, declara Celdo Braga.

Missa Solemnis - No domingo, às 11h, Amazonas Filarmônica e o Coral do Amazonas reapresentam o concerto “Missa Solemnis”, também pela Série Guaraná, com entrada gratuita. A obra do alemão Beethoven é considerada a ‘rainha’ das missas na história da música e tem como solistas a soprano Dhijana Nobre, o tenor Juremir Vieira, a mezzo-soprana Luisa Francesconi e o baixo Andrey Mira. A entrada é gratuita e a classificação é para 10 anos.


Serviço: 16ª Série Guaraná: Claudio Santoro e Gaponga
Data/ Hora: Domingo (6/10), às 19h
Local: Teatro Amazonas - avenida Eduardo Ribeiro, Centro
Entrada: Gratuita
Classificação: 10 anos


Fotos: OCA - Michel Dantas/SEC - Grupo Gaponga/DIVULGAÇÃO




Postar um comentário

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes