Paraguai expulsa traficante brasileiro ligado a PCC e CV

O governo do Paraguai expulsou o narcotraficante brasileiro Levi Adriani Felício, de 52 anos, segundo informações da Secretaria Nacional Antidrogas (Senad).

Adriani Felício é acusado de fornecer armas e drogas para o Primeiro Comando da Capital (PCC) e o Comando Vermelho (CV).

Considerado um “peixe grande” do narcotráfico, o meliante foi detido na segunda-feira, em sua residência em um bairro nobre de Assunção, durante operação surpresa de agentes da Senad.

Adriani Felício foi entregue nesta terça a autoridades brasileiras em Ciudad del Este, na tríplice fronteira com a Argentina.

“Felício era quem dava as ordens”, disse Carlos Alcaraz, chefe da Unidade Especializada no combate ao Narcotráfico e que dirigiu as operações, informa a agência AFP.


Fonte: Renova Mídia



Postar um comentário

Postagem em destaque

Novos equipamentos para UTI e centro cirúrgico começam a ser instalados no Hospital Francisca Mendes

O titular da Secretaria de Estado de Saúde (Susam), Rodrigo Tobias, acompanhou, nesta terça-feira (21/01), a montagem dos seis monitores m...

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes