Polícia Federal mira auditores da Receita acusados de extorsão

Agentes da Polícia Federal (PF) e do Ministério Público Federal (MPF) cumprem 14 mandados de prisão, nesta quarta-feira (2), contra auditores e analistas da Receita Federal. Ao todo, são nove prisões preventivas e cinco temporárias.

O principal alvo é o auditor Marco Aurelio Canal, supervisor de programação da Receita na Lava Jato do Rio, que já foi preso. Ele é apontado como o chefe da quadrilha.

Os policiais buscam por outros investigados em Campo Grande, Botafogo, Barra da Tijuca e Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, informa o jornal O Globo.


A ação, denominada Armadeira, cumpre outros 39 mandados de busca e apreensão, todos expedidos pela 7ª Vara Federal Crimina do Rio.

Foram pedidas as prisões temporárias de Alexandre Ferrari Araujo, Fabio dos Santos Cury,Fernando Barbosa, João Batista da Silva e Leonidas Pereira Quaresma.


Fonte: Renova Mídia



Postar um comentário

Postagem em destaque

Voluntários podem adotar cartinhas de crianças com pedidos de Natal, na Zona Leste

O Natal é tempo de alegria! O comércio se anima porque muitos querem comprar presentes para compartilhar entre amigos e família. Porém, ne...

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes