Com emprego de miras holográficas, SSP amplia operações aéreas em Manaus - O CHEFÃO DA NOTÍCIA

Breaking

Publicidade

segunda-feira, 23 de dezembro de 2019

Com emprego de miras holográficas, SSP amplia operações aéreas em Manaus

De operações complexas envolvendo centenas de agentes de segurança ao acompanhamento de abordagens policiais de rotina, a Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM) intensificou o emprego de equipes policiais pelos céus da capital amazonense. Dotadas de miras holográficas de fabricação israelense, as aeronaves do Departamento Integrado de Operações Aéreas (Dioa) ganharam praticidade e maior poder de fogo no combate pelos ares.

Em 2019, o Dioa recebeu quatro carabinas e duas miras holográficas de fabricação israelense. Além do armamento de grosso calibre utilizado em operações e busca em áreas de mata, as miras holográficas, utilizadas pelas forças especiais pelo mundo, fornecem mais segurança e praticidade ao agente que for efetuar disparo de contenção no ar.

De acordo com o tenente-coronel Hellinton Silva, comandante do Dioa, as armas recebidas são dotadas de equipamentos especiais, que são utilizados pelos operadores aerotáticos nas missões policiais, sejam elas operações, perseguição a veículos, criminosos ou situação de busca em área de mata.

“A mira holográfica tem a peculiaridade de auxiliar o operador na execução do disparo, visto que o tiro de arma de fogo embarcado não é um tiro de precisão, e sim de contenção, com o objetivo principal de neutralizar a ameaça do infrator, do criminoso no ato do delito, proporcionando apoio de fogo, segurança às tropas policiais no terreno e, sobretudo, ajudando a neutralizar a ação do criminoso, para que as tropas policiais em terra possam agir com segurança”, explicou.

O comandante disse ainda que o disparo só é efetuado em uma situação extrema, em que precise ser feita a segurança da aeronave, da tripulação e também para apoiar as tropas policiais em terra. Um dos principais benefícios das miras holográficas é na rapidez da ação. Elas facilitam a visão do policial sobre a área patrulhada, permitindo a execução de tiros de contenção com maior precisão.

“Ela praticamente auxilia o operador, o atirador para esse disparo. A mira holográfica aumenta em 100% a segurança do disparo, facilitando e favorecendo o trabalho do operador. A mira torna possível efetuar tiro de contenção no escuro, durante operações noturnas”, disse o tenente-coronel Hellinton Silva.

Fotos: Tácio Melo/Secom



Nenhum comentário:

Postar um comentário