Irã admite ter derrubado avião ucraniano com míssil por engano

O Irã anunciou, neste sábado (11), que seus militares derrubaram o avião da Ucrânia que caiu na última quarta-feira (8) perto de Teerã, deixando 176 pessoas mortas.

Em comunicado lido na TV estatal, militares informaram que o avião voava perto de um local sensível e foi derrubado devido a um erro humano.

O presidente iraniano, Hassan Rouhani, chamou o desastre de “erro imperdoável”.

O comandante das forças aeroespaciais, Amir Ali Hajizadeh, afirmou que a Guarda Revolucionária aceita a responsabilidade plena pelo incidente.

Hajizadeh explicou que o operador do sistema de defesa antiaérea confundiu a aeronave com um míssil de cruzeiro.

Em uma declaração televisionada, Hajizadeh disse que o operador tentou contatar seus superiores para obter a aprovação para efetuar o disparo, mas que o sistema de comunicação falhou e ele tomou “uma má decisão”.


Foto: Wana News Agency
Fonte: Renova Mídia



Postar um comentário

Postagem em destaque

Polícia Civil pede o apoio da população para localizar mulher envolvida em roubo a mercadinho na zona leste da capital

O delegado Christiano Castilho, titular do 14° Distrito Integrado de Polícia (DIP), solicita a colaboração de todos na divulgação da image...

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes