Warner usará inteligência artificial para decidir quais filmes produzir

A Warner Bros assinou, nesta quinta-feira (9), um contrato com a Cinelytic, empresa que desenvolveu uma Inteligência Artificial supostamente capaz de prever o sucesso de um filme.

O sistema analisa imensas quantidades de dados para determinar o “valor” de um astro ou a renda potencial de um longa metragem nos cinemas.

De acordo com o site The Hollywood Reporter, Tobias Queisser, fundador da Cinelytics, declarou: “Inteligência Artificial é algo que soa assustador. Mas hoje uma IA não pode tomar nenhuma decisão criativa. Ela é boa em analisar os números e esmiuçar imensos conjuntos de dados, mostrando padrões que, de outra forma, não seriam visíveis ou óbvios para os humanos. Para tomar decisões criativas ainda é necessário alguém com experiência e instinto.”

Já o vice-presidente sênior de distribuição da Warner Bros, Tonis Kiis, declarou: “Tomamos todos os dias decisões difíceis que afetam o que – e como – produzimos e entregamos filmes a cinemas em todo o mundo, e quanto mais precisos forem nossos dados, melhores seremos em cativar nossa audiência.”


Fonte: Renova Mídia



Postar um comentário

Postagem em destaque

Presidente do TCE-AM prorroga por mais 15 dias suspensão do expediente

O presidente do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), conselheiro Mario de Mello, prorrogou por mais 15 dias a suspensão do expediente ...

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes