Tribunal de Justiça participa de celebração de acolhida do novo Arcebispo de Manaus

A desembargadora Joana Meirelles representou o presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas, desembargador Yedo Simões, na missa de acolhida do novo arcebispo de Manaus, dom Leonardo Ulrich Steiner, realizada na noite da última sexta-feira (31), na Catedral Metropolitana de Manaus Nossa Senhora da Conceição, no Centro. A desembargadora Socorro Guedes também prestigiou a celebração.

Nomeado pelo Papa Francisco no final de novembro, dom Leonardo Steiner assumiu o cargo ocupado, desde 2013, por dom Sergio Castriani, que renunciou por problemas de saúde. Antes de vir para Manaus, o novo chefe da igreja local atuava como bispo auxiliar de Brasília (DF).

Nascido em 6 de novembro de 1950, em Santa Catarina, dom Leonardo Ulrich Steiner estudou Filosofia e Teologia nos Franciscanos de Petrópolis; é bacharel em Filosofia e Pedagogia pela Faculdade Salesiana de Lorena. Obteve a licenciatura e o doutorado em Filosofia na Pontifícia Universidade Antonianum de Roma.

Depois de seus estudos e de um período como vigário e pároco, foi formador no Seminário até 1986 e mestre de noviços de 1986 a 1995. De 1995 a 2003 foi professor de Filosofia e Secretário do Antoniano. De regresso ao Brasil em 2003, foi vigário da Paróquia do Bom Jesus, na Arquidiocese de Curitiba, e professor na Faculdade de Filosofia do Bom Jesus.

No dia 2 de fevereiro de 2005, foi nomeado Bispo Prelado de São Félix e recebeu a ordenação episcopal em 16 de abril seguinte. No dia 21 de setembro de 2011 foi nomeado Bispo Auxiliar de Brasília. De maio de 2011 a maio de 2019 foi Secretário-Geral da Conferência Episcopal Brasileira.


Fotos: Raphael Alves



Postar um comentário

Postagem em destaque

Presidente do TCE-AM prorroga por mais 15 dias suspensão do expediente

O presidente do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), conselheiro Mario de Mello, prorrogou por mais 15 dias a suspensão do expediente ...

 
Copyright © Chefão da Notícia. Templates Designed by OddThemes