Polícia Civil deflagra ações que resultaram na prisão de um homem e na apreensão de drogas avaliadas em R$ 400 mil

Policiais civis do Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc), sob a coordenação dos delegados Paulo Mavignier e Tamara Albano, respectivamente diretor e diretora-adjunta do departamento, deflagraram duas ações policiais ao longo de quinta-feira (05/03) que resultaram na prisão, em flagrante, de Orlean Pinheiro, 27, em posse de cerca de 7 mil pinos contendo cocaína, além de cerca de 8 quilos de maconha, além da apreensão de 25 quilos de pasta base de cocaína em uma embarcação vinda do município de Tabatinga. Todo o material ilícito apreendido está avaliado em torno de R$ 400 mil.

Durante coletiva de imprensa na manhã desta sexta-feira (06/03), às 9h30, no prédio da Delegacia Geral, a diretora-adjunta do Denarc informou que as equipes do departamento receberam informações de que um apartamento localizado no bairro Novo Aleixo, zona norte da capital, estava sendo usado utilizado como laboratório de drogas.

“As investigações em torno desse caso duraram cerca de 10 dias e, na tarde de ontem, por volta das 17h, realizamos a abordagem no local mencionado na denúncia, onde encontramos Orlean com cerca de 7 mil pinos contendo cocaína, além de três tabletes e três sacos grandes de maconha, totalizando 8 quilos da substância ilícita, além de material para preparo dos entorpecentes”, explicou Albano.

Conforme a delegada, durante depoimento na base do Denarc, o indivíduo declarou que trabalhava sozinho. A delegada destacou que as investigações irão prosseguir com intuito para identificar possíveis participantes no delito pois, no momento da abordagem o material ilícito estava sendo preparado para distribuição.

Em continuidade às diligências do departamento, as equipes do Denarc, com o apoio de agentes da Receita Federal, abordaram no Porto da Manaus Moderna, no bairro Centro, zona Sul, uma embarcação vinda de Tabatinga (distante 1.108 quilômetros em linha reta da capital). Durante revista no barco, o cão farejador Odin, da Receita Federal, detectou material ilícito escondido em 16 grades de cerveja. Ao todo, foram encontrados 25 quilos de pasta base de cocaína.

“Durante a revista, Odin apresentou bastante firmeza ao apontar para os engradados onde o material estava escondido. Após uma vistoria minuciosa, as equipes obtiveram êxito em encontrar e apreender todo o entorpecente”, declarou a diretora-adjunta do Denarc.

Procedimentos – Orlean foi autuado em flagrante por tráfico de drogas. Após os trâmites cabíveis na unidade policial, ele será encaminhado para a audiência de custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, situado no bairro São Francisco, zona sul da capital.

A diretora-adjunta do Denarc destacou que as investigações irão prosseguir para identificar o proprietário dos entorpecentes, e quem iria receber os 25 quilos de pasta base de cocaína em Manaus.



Fotos: Alailson Santos/PC-AM




Postar um comentário

0 Comentários