Estudos na Itália descobrem nova via de entrada do coronavírus no corpo

Pesquisadores da Itália descobriram que o novo coronavírus tem uma segunda via de entrada nas células do corpo humano.

A descoberta presente em estudos do Instituto Italiano de Tecnologia (IIT) abre novas possibilidades sobre o nível de contágio da Covid-19 e sobre o uso de novos medicamentos.

Os resultados encontrados pelos cientistas italianos ainda precisam de mais testes para serem confirmados pela comunidade científica.

Segundo a agência ANSA, o diretor do IIT, Giancarlo Ruocco, explicou: “Nós desenvolvemos um novo modelo preditivo para entender como as proteínas na superfície do vírus interagem com os receptores humanos.”

E acrescentou: “Nós descobrimos que para entrar na célula, o vírus Sars-CoV-2 também usa o ácido siálico, presente nas vias respiratórias, e usado pelo vírus Mers.”

Ruocco comentou: “Nós vimos assim que, além de se servir de algumas proteínas já conhecidas e comuns em outros vírus, que ele pega algumas outras específicas. Nessas últimas, uma dezena são compartilhadas com o vírus do HIV.”

Citando uma sugestão apresentada pelo pesquisadores, Ruocco completou: “Tentar usar, entre os antivirais desenvolvidos nos últimos anos contra o HIV, aqueles que agem de maneira pontual em cima dessas proteínas. Também nesse caso, os dados precisam ser confirmados, e esperamos que a nossa publicação chegue aos termos científicos e que receba comentários úteis para compreensão.”


Fonte: Renova Mídia



Postar um comentário

0 Comentários