Governo do Amazonas revitaliza escola no município de Autazes - O CHEFÃO DA NOTÍCIA

Breaking

Publicidade

sábado, 30 de maio de 2020

Governo do Amazonas revitaliza escola no município de Autazes


O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Educação e Desporto, finalizou os trabalhos de revitalização da Escola Estadual Maria Emilia Mestrinho de Medeiros Raposo (GM3), localizada no município de Autazes, a 113 quilômetros de Manaus. A ação beneficiará mais de 2 mil estudantes dos ensinos Fundamental e Médio, em três períodos (manhã, tarde e noite).

Segundo a secretária executiva adjunta do Interior, Ana Maria Araújo, os trabalhos iniciaram durante o mês de abril e foram finalizados em maio. “O governador Wilson Lima já havia visitado esta unidade escolar e garantido os serviços de manutenção. Nós, enquanto Secretaria de Educação, acompanhamos todos os trâmites para garantir que a revitalização fosse realizada de forma efetiva, a fim de proporcionar aos professores e alunos um ambiente seguro e confortável”, destacou Ana Maria.


O investimento foi em torno de R$ 300 mil. As revitalizações fazem parte do extenso calendário do Departamento de Infraestrutura (Deinfra) da Secretaria de Educação e incluem pintura geral, recuperação da estrutura e das áreas elétricas e hidráulicas da unidade escolar. Os trabalhos aconteceram durante a suspensão das aulas por conta da pandemia.

De acordo com a coordenadora regional de Autazes, Rosana Costa de Oliveira, a escola possui 42 turmas de Ensino Mediado por Tecnologia na zona rural. “A sensação é de respeito, responsabilidade e compromisso com os estudantes. Nossa instituição é uma das maiores do município e alcança os alunos da zona rural, permitindo a eles o acesso à educação de qualidade em um espaço saudável”, ressaltou Rosana.


Sobre a escola – Fundada em 1994, a Escola Estadual Maria Emilia Mestrinho de Medeiros Raposo (GM3) teve sua última revitalização realizada em 2006, e seu nome é uma homenagem à ex-secretária de Estado para Assuntos Especiais da Ação Social (Seas), que desenvolveu importantes trabalhos filantrópicos.

À frente da unidade escolar desde o início deste ano, o gestor Fábio Santos Coelho garante que o objetivo é formar cidadãos dignos de prover e servir a comunidade e o país. “Buscamos desenvolver estratégias diferenciadas para as atividades que executamos. Tudo isso com o intuito de motivar os nossos alunos e despertá-los para a criticidade, igualdade e justiça entre os povos e, assim, contribuir com desenvolvimento individual de nossos estudantes”, finalizou.

Fotos: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário