Irã eleva tensões com EUA ao enviar petroleiros para Venezuela

O envio de cinco petroleiros do Irã à Venezuela colocou as duas nações, adversárias declaradas dos Estados Unidos, em posições ainda mais complicadas com o governo Donald Trump.

O regime islâmico em Teerã afirma que os EUA destacaram quatro navios de guerra e um avião de espionagem eletrônica para acompanhar e, talvez, interceptar seus petroleiros.

O chanceler do país, Javad Zarif, chegou a enviar¹ uma carta à Organização das Nações Unidas (ONU) alertando que iria responder à altura contra qualquer “ato de pirataria“.

Os EUA não comentaram oficialmente as denúncias do Irã, mas desde abril vem mantendo exercícios navais regulares no Caribe, visando reduzir as rotas de tráfico da narcoditadura de Nicolás Maduro.


Fonte: Renova Mídia



Postar um comentário

0 Comentários