Após enxurrada de críticas, presidente da Câmara Municipal de Manaus desiste de comprar cafeteira de 10 mil reais - O CHEFÃO DA NOTÍCIA

Breaking

Publicidade

sexta-feira, 11 de setembro de 2020

Após enxurrada de críticas, presidente da Câmara Municipal de Manaus desiste de comprar cafeteira de 10 mil reais


A Câmara Municipal de Manaus (CMM) divulgou na manhã desta sexta-feira (11), que o presidente da Casa, vereador Joelson Silva cancelou a Carta Convite que previa a compra de duas cafeteiras no valor absurdo de R$ 10.000,00 cada uma, e que, segundo ele, tinha como objetivo substituir as que possuem mais de 13 anos de uso. 

Segundo o texto enviado pela Diretoria de Comunicação da CMM, Joelson atendeu ao interesse público e determinou o cancelamento da compra, já que estes ainda não haviam sido adquiridos. Porém ao que parece, o presidente da CMM após ter seu ato denunciado em vários portais de Manaus, não suportou a enxurrada de críticas vindas da população manauara e voltou atrás em sua decisão.

É o povo mostrando sua força! 

Leia o texto enviado pela CMM

Joelson Silva determina cancelamento de Carta Convite para aquisição de equipamentos

Atendendo ao interesse público, o presidente da Câmara Municipal de Manaus (CMM), Joelson Silva, determinou o cancelamento da Carta Convite 004/2020 que previa a aquisição de equipamentos para diversos setores da CMM, cuja a homologação ocorreu dia 8 de setembro. Dentre os equipamentos, havia a previsão de aquisição de duas máquinas industriais de café que iriam substituir as que estão na copa da instituição e que possuem mais de 13 anos de uso.

"Resolvi fazer uma readequação no quantitativo e qualitativo dos equipamentos e máquinas que fazem parte desse processo licitatório, levando em consideração o compromisso de minha gestão em promover a transparência nos serviços prestados à sociedade, por esta casa legislativa", disse Joelson Silva.

Conforme nota enviada anteriormente para a imprensa, o presidente reforça que os equipamentos ainda não haviam sido adquiridos e a divulgação no Diário Oficial tratava-se apenas de uma previsão de compra, que só ocorreria após a emissão de nota de empenho ao fornecedor.

Joelson Silva lembra que, a aquisição destes materiais ou quaisquer outros, segue todo o procedimento padrão previsto na legislação, com os trâmites devidamente publicados no Diário Oficial do Legislativo Municipal.

Atenciosamente e à disposição,
Diretoria de Comunicação da Câmara Municipal de Manaus




Nenhum comentário:

Postar um comentário